Cena 1: Céus em Chamas

Página 12 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... , 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Sex 04 Ago 2017, 22:46

Daniel e Boris

Todos se aproximam dos destroços. Boris, como membro militar mais experiente do grupo inteiro, tem que coordenar as operações de todos, soviéticos e franceses. Não fosse isso, os verdes correriam em campo aberto como quem passeia no parque. Um convite a brincar de tiro ao alvo com atiradores de elite.

Vocês decidem por contornar mais perto das árvores do bosque e do mato alto para dificultar serem localizados, caso houvesse alguém os espionando. Ao se aproximar, conseguem avaliar melhor o estrago. O planador caiu perto das árvores ao norte, o que permite deduzir que por algum motivo não tinha altitude suficiente para alcançar o campo de pouso. Há cerca de uma dezena de corpos dilacerados pela queda espalhados na área dos destroços. O dano é tamanho, que é difícil dizer se os destroços de fato são de um planador.

Os soviéticos confirmam a ordem e estabelecem um perímetro seguro. Ninguém identifica forças inimigas, e o local é aparentemente seguro. Madame Lotta tampa a boca com a mão e se afasta, claramente enjoada e chocada com a cena. Isabelle se agacha sobre um dos corpos:

- Santo Deus. Esses uniformes são da Legião Estrangeira. Todos eles. São os reforços prometidos pelo general. Estão todos mortos. - Isabelle fica incrédulo e emudece.

Serguei faz uma análise rápida dos destroços e relata a Boris em russo, que deve decidir se vai informar aos franceses ou não:

- Há perfurações na fuselagem das asas, da cauda, da cabine e do que eu acho que é o bico da nave. Foram atingidos por artilharia anti-aérea, sem dúvida. Pela maneira como estão dispostos os destroços, parece que o planador caiu de bico ou em parafuso em alta velocidade. Pode ser que o piloto tenha morrido quando pilotava, isso explica. Tem marcas de chamas na cabine, o que significa que um dos explosivos detonou perto. Metade da tripulação já devia estar morta quando atingiram o chão. Senhor... este é um planador nazista, mas os uniformes são de fato dos franceses.

Isabelle anda de um lado para o outro, nervoso. Ele parece perdido. Madame Lotta toma coragem e se aproxima de Boris:

- Eles estavam armados e equipados para o combate. As armas ainda estão junto com os corpos. Eu acho que devíamos garimpar o que nos fosse útil de armas, munição, curativos e qualquer coisa que pudermos encontrar nos mortos. Não vai fazer mais falta a eles.

Isabelle fala para o vento na tentativa de tomar uma decisão junto com Boris:

- Tinha um outro planador, com um rádio. Eu não estou vendo ele. Pode ser que tenha sido abatido, mas talvez tenha conseguido se salvar e pousado em algum outro lugar, eu não sei. Está parecendo... está parecendo que os alemães sabiam de tudo! Nós, os reforços. Eu nem sei o que pensar do navio com armas no porto de Honfleur. A esta hora já deveríamos estar terminando o transbordo. Meu Deus, o que está acontecendo? Será que os alemães sabiam dele também?

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vieirinha em Sab 05 Ago 2017, 09:07

Vieirinha da uma coçada na cabeça e responde - "ta bom sargento..."

Em seguida amontoa tudo o que juntou sobre seu paletó e antes de subir na escada como pediu o sargento já observa o barracão traçando uma possível rota de fuga...

Sobe a escada, alinha o rifle, cospe de lado e pensa "vamos ver no que vai dar isso..."

_________________
"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 83
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 40
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Especialidade: Guerrilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vercenorax em Sab 05 Ago 2017, 14:52

Vendo a carnificina que se estende em minha frente eu me recordo do que os finlandeses fizeram em pouco tempo contra nós. Mas estamos em outro ano, outra guerra e outro país. Ponho-me a dar ordens agora:
Rrrecolham o que forrr viável e útil a nós, e leve de se carrrrregarrr, temos uma boa distância a perrrcorrrrrrerrr. Vamos descerrr até Honfleurrr, o outrrro planadorrr também deve terrr sido alvejado, se eles descerrram ou caírrram em outrrro local se houverrr sobrrreviventes que pensam vão seguirrr o plano e descerrr até o porrrto. Devemos irrr até lá pensando que o navio também foi atacado. Esperrrarrr o piorrr é mais cabível. Movimentem-se não estamos morrrtos como esses aí! Temos de chegarrr à cidade antes do prrróximo anoitecerrr!

Me viro a Serguei e os demais camaradas e digo:
Tudo o que vocês descobrirem e que seja relevante, reportem diretamente a mim e em russo. Os franceses estão fedendo a ingenuidade e incompreensão, vou ter de tomar frente nessas condições. Aquele ali (me refiro a Isabelle sem que ele perceba), está perdido, ainda deve se achar, mas não podemos ficar esperando isso cair do céu.

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 352
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 23
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Especialidade: Infante de Assalto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Sab 05 Ago 2017, 18:00

Vieirinha e Sabão

Vieirinha analisa que a única rota de fuga, não sendo pela porta da frente por onde entraram, é saltando por uma das janelas. As janelas do abrigo ficam na parte alta, e pular desta altura tem lá seus riscos. Vieirinha junta tudo o que pode no paletó, que usa feito uma trouxa. Sabão deixa o rifle encostado na parede e deixa o revólver dentro da calça.

Não demorou nada e logo saíram cinco pessoas do casarão. Eles avançam direto para o abrigo, a passos firmes e decididos. Um senhor mais velho toma a dianteira do grupo. Um rapaz mais novo e musculoso trás uma espingarda. Estão todos vestindo roupas de dormir e, quando se aproximam o suficiente, é possível notar seus rostos de sono recém desperto. Uma jovem de cabelos loiros segue ao fundo e tem a preocupação estampada no rosto.

Sabão conta os passos até a aproximação final. O negro engole em seco e torce para que Vieirinha se atenha ao plano mesmo com um daqueles franceses armado. Quando eles estão a quinze passos de distância, Sabão abre a porta e sai do abrigo. Todos os cinco param imediatamente. Nenhum deles viu Vieirinha ainda na janela. Vieirinha observa o ambiente e descobre que o menino está no casarão de pedra, observando tudo de longe. Os cachorros latem para Sabão, mas nenhum deles avança. O sujeito mais de idade, que está a frente do grupo, ordena silêncio aos cachorros, que obedecem com ganidos.

O homem é mais alto que Sabão, tem a barba cerrada e toda branca, a pele queimada pelo sol, olhos estreitos e cinzentos. Ele tem a mandíbula larga e firme e nenhum daqueles que o acompanham diz nenhuma palavra antes dele.

- Qui êtes-vous et que faites-vous ici? - ele pergunta, e nem Sabão nem Vieirinha entendem uma palavra do que ele diz.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Maedhros em Sab 05 Ago 2017, 21:43

Fico sem entender o que o velho diz, pensando:

[Acho que nunca vou saber o que ele disse. Ao menos essa cachorrada ficou quieta.]

Começo então a falar:

I don't understand French, man. I am an English soldier from England... "Inglaterrê" - Falo isso achando que soe francês - . I am part of a special reconnaissance unit. I hope you do not mind lending your barn for a few hours, I'm just passing through. I will not do you any harm. We have a common enemy.- Dou um tempo para ver se eles entenderam e pergunto - Do you understand me? "Understendê mi"?

Termino olhando diretamente para o velho.

_________________
What the hell kind of name is Soap?

A cobra está fumando!

Inventário - Sabão
avatar
Maedhros

Mensagens : 290
Data de inscrição : 07/10/2013

Ficha do personagem
Nome: Sabão
Posto: Segundo Sargento
Especialidade: Artilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Blanchard em Dom 06 Ago 2017, 20:46

Com membros da Legião tão facilmente abatidos, que chances temos nós? Velocidade na morte, melhor que uma morte lenta, certamente. Soldados sabe-se lá de onde, que vão para uma vala comum.

A fala do russo interrompe meus pensamentos, respiro fundo e olho para o chão, em busca de alguma cuspidora sucessiva de balas.

Depois retiro os nomes dos uniformes, caso algum ainda esteja legível, e guardo em meus bolsos.

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:24       ABSORÇÃO:11      EF:13      KARMA: 07
EQUIPAMENTOS: Alaúde, estojo de higiene, estojo de jogos, roupa nobre, botas de couro, capa, cinto e luvas, 3 cantis, lanterna, roupa para inverno, Barraca de lona, Algemas, Giz, Pederneira, Fumo, Ferramentas para manusear armadilhas, 3 garrafas de vinho, mochila com jóias (17 p.o.), gema (manga rosa). Gládio e Escudo Grande. 
CARACTERÍSTICAS GASTAS: Nenhuma até o momento
EXPERIÊNCIA: 36xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Blanchard

Mensagens : 672
Data de inscrição : 06/10/2013
Localização : [roll="D6"]x[/roll] [roll="d20"]1[/roll]

Ficha do personagem
Nome: Daniel Blanchard
Posto: Partisan
Especialidade: Piloto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Dom 06 Ago 2017, 21:22

Boris e Daniel

Os partisans sobreviventes saqueiam os corpos dos legionários abatidos em busca de armamento, munições, granadas, rações e bandagens. A maioria ali serviu o exército mas é pouco experiente nas armas e na conduta militar. Os soviéticos praguejam pela incompatibilidade de munições e preferem continuar com suas armas. Ivan pega 6 granadas para si próprio.

Daniel encontra duas possibilidades que lhe agradam. O primeiro é o MAC 24/29, uma metralhadora leve de calibre 7.5x74mm bem conhecida dele. A arma era sua favorita quando serviu o exército, e a favorita de muitos nacionalistas também. Pesa quase 9 kg e tem 1 metro de comprimento, apoiada em bipé, extremamente confiável. A outra é uma novidade que ele nunca havia visto até então, o MAS 38, uma submetralhadora calibre 7.65mm. Carregada pesa cerca de 3,5 kg. Daniel testa a candidata, e percebe que tem uma cadência mais alta que a da metralhadora leve e uma precisão efetiva para apenas 100 metros. Boris condena o teste, insultando-o pelo risco de revelar a posição.

Isabelle se aproxima de Boris. O francês parece estar lentamente recuperando a frieza.

- Estamos a menos de 10 km da cidade, podemos chegar rapidamente lá. Se seguirmos o plano original, vamos chegar em Honfleur pelo norte, mais próximo ao Sena, e chegaremos diretamente ao porto. Se os alemães de fato estiverem nos esperando lá, não terá nada além de um grande campo aberto e fazendas para nos esconder. Uma possibilidade é nos movimentarmos ao sul até a rodovia principal que chega na cidade. A inteligência nos garantia que Honfleur havia sido poupada da invasão nazista, então não devem haver postos de verificação. Se chegarmos pelo sul, pela entrada principal da cidade, podemos tentar nos misturar aos civis. Contudo, esse caminho é mais longo e eu acho que se houver sobreviventes do outro planador, eles não saberiam da existência desta rota. Qual é a sua decisão?

Daniel: escolha entre a metralhadora leve ou a submetralhadora.

Boris: escolha qual rota seguir.

Imagem das armas encontradas por Daniel: https://en.wikipedia.org/wiki/File:MAS-38.jpg e https://en.wikipedia.org/wiki/File:LMG_24_29_2.JPG
Links das armas: https://en.wikipedia.org/wiki/MAS-38 e https://en.wikipedia.org/wiki/FM_24/29_light_machine_gun

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vieirinha em Dom 06 Ago 2017, 22:38

Enquanto Sabão destila o melhor de seu inglês o rifle de Vieirinha fica mirado diretamente na cabeça do musculoso armado...

"Antes q esse monte de merda atire no sargento eu meto uma azeitona no meio dos "zóio" dele"...

Pensa o soldado, se segurando e completamente concentrado...

_________________
"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 83
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 40
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Especialidade: Guerrilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Seg 07 Ago 2017, 21:12

Sabão e Vieirinha

Vieirinha sente as mãos suarem e os braços doerem, tanto pelo tempo que está tentando segurar a arma em posição tanto pela tensão do momento. O homem forte não dá nenhum sinal de não-agressão, mas Vieirinha também não tem certeza se a arma dele está carregada ou sequer se funciona.

O homem velho mantem-se rígido e impassível, olhando firmemente nos olhos de Sabão, que se sente um tanto incomodado. Ele escuta tudo que o sargento fala e não diz uma palavra por um momento, reinando um silêncio penoso. Finalmente, o velho volta a falar alguma coisa em francês, que nem Vieirinha nem Sabão compreendem. Quando Sabão demonstra que não entendeu o que ouviu, um terceiro homem, jovem, dispõe-se a traduzir em um inglês razoável:

- Meu avô disse que não acredita em você. Ele lutou com os ingleses na Grande Guerra, e reconhece quando vê um. Ele disse para você não mentir novamente e pergunta: quem é você, e o que está fazendo no nosso abrigo.

O homem musculoso mantém a espingarda preparada, embora não aponte para ninguém. Sabão desconfia que o velho entende inglês, mas por algum motivo continua falando em francês.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Blanchard em Seg 07 Ago 2017, 21:38

Enquanto recolho o nome, digo (inglês):
Quando eu morrer, gostaria que meus pais fossem avisados.

Pego a submetralhadora e todos os cartuchos que couberem em meus bolsos, depois manuseio a arma repetidas vezes, concentrado, para ganhar familiaridade com ela.

Cacete, andar mais 10 quilômetros, merda.

Quando Isabelle fala em nos misturarmos, olho para Boris e penso:
Xiiii...

Depois lembro que com a porra do ferimento e com a faixa, eu chamo mais atenção que ele.

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:24       ABSORÇÃO:11      EF:13      KARMA: 07
EQUIPAMENTOS: Alaúde, estojo de higiene, estojo de jogos, roupa nobre, botas de couro, capa, cinto e luvas, 3 cantis, lanterna, roupa para inverno, Barraca de lona, Algemas, Giz, Pederneira, Fumo, Ferramentas para manusear armadilhas, 3 garrafas de vinho, mochila com jóias (17 p.o.), gema (manga rosa). Gládio e Escudo Grande. 
CARACTERÍSTICAS GASTAS: Nenhuma até o momento
EXPERIÊNCIA: 36xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Blanchard

Mensagens : 672
Data de inscrição : 06/10/2013
Localização : [roll="D6"]x[/roll] [roll="d20"]1[/roll]

Ficha do personagem
Nome: Daniel Blanchard
Posto: Partisan
Especialidade: Piloto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vieirinha em Qua 09 Ago 2017, 11:29

Vieirinha entende cada palavra que o jovem diz, apesar de seu inglês estar um pouco enferrujado, mas não desvia o olhar do homem armado, sua prioridade agora é garantir pelo menos uma chance de fuga para o sargento que foi de peito aberto conversar com aquelas pessoas... Ao ouvir tudo o que o rapaz fala pensa...

"Pff... O Sargento parece que não pensa em algumas horas... Esse pessoal convive com ingleses como nós convivemos com mineiros em São Paulo... Ele acha que os caras iam engolir esse inglês com sotaque estranho dele... Qual será a resposta dele agora?
Não importa... Se o grandalhão ali fizer menção de atirar vai tomar um balaço..."

As juntas e os ombro já parecem querer ficar doloridos pela tensão do momento, mas o soldado está acostumado com a posição, não é de hoje que ele se aproveita de emboscadas para crivar suas vítimas...

_________________
"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 83
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 40
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Especialidade: Guerrilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Maedhros em Qui 10 Ago 2017, 14:03

Quando o jovem termina de dizer, dou um sorriso quando diz que reconhece um inglês e falo em inglês olhando para a pele do meu braço:

É... Acredito que os ingleses naturais da Inglaterra sejam um pouco mais branquelos que eu. - Depois me volto para o velho e continuo - Sim, não sou inglês, mas trabalho para eles nessa guerra. Sou Sargento Capoeira e preciso de seu celeiro como abrigo para analisar mensagens obtidas de contatos meus na região. - Continuo a falar olhando para o velho. - Se você já lutou numa guerra então sabe como os soldados agem com civis, eles apenas fazem o que precisam e os civis que arcam com as consequências. - Mostro as mãos calejadas de roceiro e continuo - Já fui gente como vocês, gente que tira o sustento da terra. Vim conversar com vocês de boa vontade e pensando no melhor para todos. Infelizmente terão que se contentar com somente essas informações. Mais que isso sou proibido de falar.

Dou uma pausa olhando para o velho, mesmo ele sendo mais alto que eu e falo:

E então?

_________________
What the hell kind of name is Soap?

A cobra está fumando!

Inventário - Sabão
avatar
Maedhros

Mensagens : 290
Data de inscrição : 07/10/2013

Ficha do personagem
Nome: Sabão
Posto: Segundo Sargento
Especialidade: Artilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Qui 10 Ago 2017, 21:18

Vieirinha e Sabão

O velho faz um rosto de estranhamento quando Sabão se apresenta como Sargento Capoeira. Novamente, ele escuta tudo o que Sabão diz em silêncio e demora em responder, sem desviar o olhar. Quando responde, novamente em francês, é o outro rapaz que traduz para o inglês:

- Sua farda tem marcas de rasgo recente, não possui identificação nem bandeira. Não conheço seu uniforme, mas não é inglês. Se é amigo, então os alemães estão atrás de você. Os alemães ocuparam a minha França, estão por todo lado. Se é inimigo, então está sozinho e isso não é muito inteligente. Seja lá como for, ou é um problema por si só ou trará muitos deles com você para mim e minha família, e isso eu não vou permitir.

O rapaz termina de traduzir e faz-se um momento de silêncio, seguido pelo próprio velho a dizer em inglês para Sabão:

- Saia daqui e não volte mais.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Maedhros em Sab 12 Ago 2017, 22:13

Continuo a olhar para o velho enquanto penso:

[Essa gente quer evitar a guerra, mesmo ela estando na porta deles.]

Digo então ao velho:

Vocês tem o direito de agir assim. Querem apenas proteger seu familiares e eu respeito, por isso vou embora. Porém antes de ir, preciso de uma bolsa e duas mudas de roupa de vocês. E isso não é um pedido. Preciso disso para continuar meu caminho. Espero que vocês entendam.

_________________
What the hell kind of name is Soap?

A cobra está fumando!

Inventário - Sabão
avatar
Maedhros

Mensagens : 290
Data de inscrição : 07/10/2013

Ficha do personagem
Nome: Sabão
Posto: Segundo Sargento
Especialidade: Artilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vercenorax em Dom 13 Ago 2017, 11:19

Digo aos meus homens:
Peguem mais granadas! Só Ivan que as quer levar! Arruaça e confusão podem nos ajudar sempre se formos nós os causadores.

Quando Daniel dispara a metralhadora eu praguejo e digo a ele:
Até quando vai insistirrr em fazerrr merrrda? Imprrrudência quase matou você, mas deixou morrrtos muitos dos seus e um dos meus. A prrróxima vez que ameaçarrr fazerrr isso terrremos sérrrios desentendimentos!

Respondendo Isabelle:
Devemos irrr pelo Norrrte como prrrevisto, eles acham que todos nós estamos morrrtos. Se virrrarrrmos aos Sul, serrrá difícil acharrr os sobrrreviventes do outrrro planadorrr,
se é que eston vivos. Misturrrarrr a mim e aos meus com os civis serrrá deverrras difícil. Seguimos o plano. Verrremos o que poderrremos fazerrr com o que aparrrecerrr em nossa frrrente.


Aos demais eu digo:
Se estiverrrem prrrontos devemos seguirrr! Talvez já estejamos sendo caçados!

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 352
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 23
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Especialidade: Infante de Assalto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Maedhros em Dom 13 Ago 2017, 12:25

Maedhros efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
What the hell kind of name is Soap?

A cobra está fumando!

Inventário - Sabão
avatar
Maedhros

Mensagens : 290
Data de inscrição : 07/10/2013

Ficha do personagem
Nome: Sabão
Posto: Segundo Sargento
Especialidade: Artilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Dom 13 Ago 2017, 19:59

Teste de Frieza do velho francês Hugar efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vieirinha em Ter 15 Ago 2017, 14:21

O Soldado Vieira, da um leve sorriso e pensa consigo mesmo...

"Até que enfim o sargento ta agindo como homem, ele sabe que está com a vantagem e que em poucos segundos eu deito os três barbados na bala... Deixo apenas a moça pra dar o fora com o garotinho... Que povo maluco! O que eles acham que os alemães irão fazer quando chegarem aqui?!"

A posição na janela já está ficando um tanto quanto incômoda... Mas o pulso e a mira estão firmes, cada movimento do grandalhão com a espingarda faz com que o soldado o acompanhe e a massa de mira na ponta do rifle não sai sequer um segundo da testa do francês...

_________________
"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 83
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 40
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Especialidade: Guerrilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Ter 15 Ago 2017, 17:16

Daniel e Boris
Madame Lotta se aproxima para a surpresa de Daniel. Ela encontrou bandagens esterilizadas em bom estado e um pouco de sulfanilamida.

- Sente-se. Vamos fazer um curativo adequado. Não queremos que infeccione. - Ela não parece muito mais amigável que antes, e Daniel chega a temer que ela tivesse mão pesada - Para a sorte dos meus pais, eles jamais ouvirão a notícia da minha morte.

Daniel fica com aquilo na cabeça, tentando decifrar seu significado. Madame Lotta remove as faixas com jeito e a ferida abre novamente, voltando a sangrar. A mulher então vira a cabeça do partisan de lado e derruba a sulfanilamida no ferimento, que arde. Em seguida coloca gaze e enfaixa bem. Parece um legítimo ferimento de combate.

- Vamos ter que achar um médico para costurar isso aí, eu não sou enfermeira.

O saque termina, e antes que o cansaço tenha chance de amolecer os corpos, Boris lidera as tropas guerrilheiras para Honfleur, pelo norte. Serão 10 km de caminhada pela mata e campo aberto, sem estradas, portanto cansativo. Chegarão ainda pela manhã na vizinhança do porto.

Estão livres para interpretar ou conversar se quiserem durante a viagem. Essa parte acaba aqui.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Ter 15 Ago 2017, 17:31

Resultado do Teste:
Intimidação (Sabão) 14+0 vs Frieza (Velho) 11+2+1. Empate.

Sabão e Vieirinha
O velho estreita os olhos, mas não se mostrou intimidado por Sabão e isso deixa o sargento em uma posição desconfortável, similar a quando se perde o blefe numa mesa de truco. Afinal, do ponto de visto do homem, era apenas um negro contra cinco na sua propriedade.

- Vai encontrar roupas de serviço e botas no abrigo. Pegue se isso fizer você ir embora.

Foi preciso novamente a ajuda do intérprete, porque o velho não se deu ao trabalho de falar em inglês. O velho deu alguma ordem e a garota que os acompanhava voltou correndo para dentro do casarão de pedra. Os demais quatro homens permanecem ali, de pé, sem tirar os olhos de Sabão. Vieirinha não consegue deixar de pensar na oportunidade do momento, e do como aquilo tudo era perfeito para cavar mais quatro covas rasas.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vercenorax em Ter 15 Ago 2017, 22:34

Durante o caminho eu indago à Madame:
Como passarrram pelo fogo inimigo, Madame? Sei que non está muito disposta a falarrr disso, mas eu gostarrria de saberrr.

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 352
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 23
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Especialidade: Infante de Assalto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Maedhros em Qui 17 Ago 2017, 00:02

Vendo que a situação parece mais um empasse mexicano, começo a ficar mais tenso. Porém quando vejo que consigo as coisas que precisava, dou um sorriso e respondo ao velho em inglês:

O exército britânico agradece sua compreensão.

Cruzo os braços no lugar que estou fico ainda lá enquanto falo em português para que Vieirinha escute:

Vieirinha! Vasculhe o lugar e ache as roupas e uma bolsa ou bornal. Se quiser levar algo mais que ache útil, coloque na bolsa. E saia com o rifle que roubou com o paletó enrolado, para eles não percebam a sua origem, senão já sabe o que eles pensaram de nós. E traga meu rifle que está na porta. Seja rápido, estamos saindo.

Depois falo para os homens em inglês enquanto aguardo Vieirinha:

Já estamos saindo.

_________________
What the hell kind of name is Soap?

A cobra está fumando!

Inventário - Sabão
avatar
Maedhros

Mensagens : 290
Data de inscrição : 07/10/2013

Ficha do personagem
Nome: Sabão
Posto: Segundo Sargento
Especialidade: Artilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Vieirinha em Qui 17 Ago 2017, 00:22

Vieirinha abaixa o rifle e desce as escadas, pega todas as coisas que estavam enroladas no paletó, as latas de óleo, as garrafas vazias e alguns trapos de pano e fazendo o que o sargento pediu, quando sai pela porta...

Passa encarando o velho e olhando para o rapaz que durante toda a conversação traduzia tudo diz:

"Se eu fosse vocês tiraria o garoto e a moça daqui antes dos alemães chegarem, te garanto com todas as letras que nem o melhor deles é tão gentil quanto esse negro que falou com vocês"

Faz um leve acesso quase que uma continência e diz

"Boa sorte"

_________________
"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 83
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 40
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Especialidade: Guerrilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Hugar em Qui 17 Ago 2017, 00:42

Sabão e Vieirinha

Sabão fica frente a frente com os quatro franceses por minutos que parecem uma eternidade. Vieirinha corre para longe da janela e se apressa para fazer tudo o mais rápido possível, mas algumas coisas é impossível se apressar. Sabão já podia sentir o suor escorrendo pela testa naquela manhã fria quando Vieirinha quase tropeça numa garrafa e derruba uma prateleira toda, fazendo o maior escarcéu. No fim, Vieirinha escondeu o rifle alemão enrolado no paletó, encheu um bornal das posses roubadas dos franceses e outro das posses do sargento, enrolou junto duas mudas de roupa suja de campo fedendo a esterco, separou dois pares de botas que não ouve tempo de verificar a numeração, pegou o rifle do sargento detrás da porta e apareceu para falar umas verdades para os nativos.

Os franceses não gostaram da maneira como Vieirinha falou com eles, mas não retrucaram. Se limitaram a continuar em silêncio. Ao fim, lá estava o Sargento Sabão, tentando expressar seriedade no rosto, e o Soldado Vieirinha, parecendo uma mula humana, com dois bornais passados pelos ombros, um paletó todo amassado, dois rifles e dois pares de botas nas mãos.

Vocês devem decidir uma direção. Os caminhos mais óbvios incluem voltar para a mata de onde vieram ou seguir seu caminho para o pé do morro, o destino original. Há um grupo de árvores adiante onde é possível tentar um esconderijo para trocar de roupa. Além do mais, a suspeita de haver outro vilarejo como este mais próximo ao morro atazana a mente de Sabão.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 696
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 23
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Maedhros em Qui 17 Ago 2017, 00:57

Após Vieirinha falar em inglês, fico um pouco surpreso:

[Não é que esse roceiro sabe algumas palavras dos gringos?!]

Depois pego meu rifle e um dos bornais e simplesmente me limito a dizer para Vieirinha em português enquanto deixamos os franceses para trás:

Vamos para aquelas árvores ali. Lá traçaremos nossos próximos passos.

_________________
What the hell kind of name is Soap?

A cobra está fumando!

Inventário - Sabão
avatar
Maedhros

Mensagens : 290
Data de inscrição : 07/10/2013

Ficha do personagem
Nome: Sabão
Posto: Segundo Sargento
Especialidade: Artilheiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 1: Céus em Chamas

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 12 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... , 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum