Oitava parte - Saída de Fontenova

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Oitava parte - Saída de Fontenova

Mensagem por Samyaza em Dom 06 Out 2013, 23:44

Enviado por: Samyaza - quarta-feira, 11 de abril de 2012 17:25:22
TODOS:
Assim que vc´s vestem as capas Seymar com um semblante nitidamente triste baixa a cabeça, passa por vc´s, abre a porta e olhando para a rua de costas para vc´s diz:

"Sigam-me! E tomem cuidado para que sejamos discretos."

Vc´s caminham pelos becos mais escuros de Fontenova levando muito mais tempo do que o normal se fossem diretamente para a estrebaria. Toda a caminhada é feita no mais profundo silêncio, Seymar sempre a frente poucas vezes virou-se para trás para olhar para vc´s. trovões e relampagos acompanham a caminhada de vc´s até que vc´s chegam a estrebaria.

A estrebaria é grande e feita de madeira, uma porta pesada tranca a entrada e apenas algumas janelas no alto permitem a entrada de luz e ar. Ao lado da estrebaria fica a casa da familia que cuida dos cavalos bem como algo que pode se chamar de escritorio. Seymar deliberadamente força a porta pedindo a ajuda de vc´s. Com a ajuda dos demais a porta se abre. Poucos cavalos estão no local, ela acende uma tocha presa à uma coluna e vai abrindo a cerca e passando um cavalo para cada um de vc´s.

Cada cavalo traz no dorso mochilas e bolsas presas com o material que ela comprou:

Tomem, montem e vamos cavalgar depressa para a saída sul da cidade, assim que deixarmos a estrebaria cavalgaremos a galope até a saída, não parem e nem olhem pra trás, aconteça o que acontecer. Assim que atravessarmos os muros, continuem cavalgando e só parem quando os primeiros raios de sol surgirem, eu cuido sozinha de qualquer coisa que possa acontecer, entenderam? Sem perguntas, temos que ir depressa.


Enviado por: Leonardo - quarta-feira, 11 de abril de 2012 19:58:26
Subo com alguma dificuldade, já que não dou altura e digo:

Já montei em Mulas e pôneis, acho que não é tão diferente.

Enviado por: Mingo - quinta-feira, 12 de abril de 2012 8:33:47
Monto com calma e destreza, abaixando o corpo e me aproximando da orelha do meu cavalo.

Ola amigo, meu nome é Halt, espero ser digno de você e principalmente que isso seja o inicio de uma amizade, nos guie em segurança e não deixarei lhe faltar nada.

me arrumo e coloco o capuz cobringo o meu rosto, começo a galopar seguindo Seymar.

Enviado por: Aurhus - quinta-feira, 12 de abril de 2012 9:38:03
Monto em silencio e saio a galope.Assim que passarmos pelo portão saco o pungal e fico com ele em mãos.

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 12 de abril de 2012 20:08:16
Off:
pessoal to no aguardo do baltazar e do quiroman, amanhã posto mesmo que eles não tenham postado.

Enviado por: Baltazar - quinta-feira, 12 de abril de 2012 23:06:58
Subo no animal e lanço-lhe um último olhar, de despedida, e saio a galope com os outros.

Enviado por: Samyaza - sexta-feira, 13 de abril de 2012 15:54:41
TODOS:
Vc´s cavalgam velozmente pela cidade tendo sempre Seymar a frente, ela continua evitando falar, olhando para trás apenas algumas vezes como se estivesse verificando algo. Os sinais de chuva aumentam bastante e vc´s temem que provavelmente ela não espere até o outro dia para chegar.

Após cavalgarem pelas ruas escuras de Fontenova por menos de meia hora vc´s chegam bem perto do portão sul da cidade, o portão é feito de madeira pesada e possui pelo menos 5 metros de altura, mas está aberto. Os muros ao redor são de pedra mas estão cobertos de musgo e possuem bancadas para arqueiros.

Assim que vc´s estão pertos de cruzar o portão vc´s percebem que a grama e as folhagens dos muros começam a ficar esbranquiçadas como gelo enquanto um frio sobrenatural e repentino toma conta da região ao redor de vc´s. Seymar empina o cavalo voltando na direção de vc´s, já se percebe fumaça saindo das narinas dos cavalos e da boca dela, enquanto ela grita:
Eles estão aqui! Cumpri minha promessa! Agora cumpra a sua!

Ao que ela termina sua frase, um relampago ilumina a area e no clarão que ele causa vc´s percebem uma sombra projetada na parede de um predio se moldando num formato quase humano em pleno ar. A figura, de pelo menos 3 metros de altura, parece ser um emaranhado de panos negros como a noite que flutuam como se ventasse permanentemente perto da criatura. O monstro não possui membros ou rosto, apenas os panos movimentam-se enquanto a criatura flutua e sob o que seria sua face uma única lu vermelha brilha enquanto o frio emana da criatura.

Enviado por: Mingo - sexta-feira, 13 de abril de 2012 16:52:42
[Merda, deixei meu coração falar mais alto... fui distraido e agora fomos traidos... preciso fazer algo]

Grito alto para Baltazar e os anões

CONTINUEM CAVALGANDO!!! VÃO EMBORA E EU TENTAREI SEGURAR ELE!

paro o cavalo com um toque de meus joelhos em seu dorso (um dado para o teste de lidar com animais) ao mesmo tempo que que agilmente deixo o arco escorregar de meu ombro esquerdo enquanto com a mão direita já pego uma flexa e me posiciono para fazer a mira (um dado para acrobacia? ou outra habilidade necessária, porém acredito que esse seja um movimento simples para um arqueiro). Quando estou com o arco e a flecha apontada para o alvo sinto a calma que só aqueles que tem extrema confiança em suas habilidades possuem e procuro alguma região mais vuneravel para a flecha (um dado para essa ação, acho dificil errar levando em conta o tamanho do alvo) e atiro a flecha já retirando outra da aljava pronto para mais ataques. (3 dados de ataque com flechas ao demonio)

(Off: jogarei 6 dados então ehn Samyaza, abraço e seja oq Deus quiser)


Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 13 de abril de 2012 18:45:20
Se Alastor e Baltazar quiserem ir podem ir eu ficarei e me vingarei!Vocês querendo ou não!
Saco meu punhal e avnçp contra Seymar
[1d20]

Enviado por: Leonardo - sexta-feira, 13 de abril de 2012 23:58:31
Quando percebo a traição grito com raiva:
A vadia humana nos traiu!!!

Quando Halt fala em enfrentar a criatura sozinho grito:

Não!!! Não deixarei um companheiro ir para os braços de Cruine sem lutar!!! E você Garruk, preciso que leve Baltazar em segurança até o tio dele, ele precisa de suas habilidades de ladino, cuide dele!!!

Depois eu saio do cavalo, corro com toda a fúria pra cima da criatura com meu Martelo de Guerra.

(Dados: Persuasão (para Garruk) e Carga)




Enviado por: Samyaza - terça-feira, 17 de abril de 2012 16:03:43
TODOS:
Antes que ataquem, precisamos de iniciativas. Vou rolar dados referentes a iniciativa de Seymar e da "sombra". . Vou considerar os dados de ataque de vc´s como iniciativa, ok?

Alguém sabe do Baltazar?

Corrigindo: o primeiro dado vou considerar iniciativa e depois vou usando a sequencia de ações, mas, só vou considerar um ataque, os demais ataques deverão ser rolados em postagens próprias, ok?

Enviado por: Aurhus - terça-feira, 17 de abril de 2012 19:37:35
Ataque:[1d20]

Enviado por: Leonardo - terça-feira, 17 de abril de 2012 23:44:45
(dados)

[1d20]

Enviado por: Baltazar - quarta-feira, 18 de abril de 2012 17:39:17
Ele estava pensando sob a cela de seu cavalo. Pensando na estrada á frente, no futuro.
- Hm...
Murmurou para si mesmo ao ver que já haviam chegado ao portão. Porém, havia algo estranho. Sentiu o frio repentino no ar, e sentiu um calafrio percorrer seu corpo. Quando olhou para Seymar, sua montaria liberava fumaça por alguns de seus orifícios. Nenhum animal normal faria aquilo. Havia algo de estranho acontecendo. Infelizmente, isso se confirmou quando ela disse que havia cumprido sua promessa.
- Merda.
Exclamou ele, fazendo o cavalo parar subitamente. Ele fechou os olhos instantaneamente devido ao clarão, e viu a sombra.
- Que raios é isso?!
Foi o que conseguiu dizer. Mas ele tinha hipóteses sobre o que seria. Um ser demoníaco, isso era certo. Agora, exatamente o que ele era, ele não sabia.
- Não! Vamos todos ficar e lutar! Eu sou um mago, e talvez possa deter essa coisa!
Falou Baltazar, fitando o ser.
"Droga..."

Enviado por: Samyaza - sexta-feira, 20 de abril de 2012 15:56:11
INICIATIVA:
A iniciativa ficou a seguinte:

Criatura 16 (12+4)
Halt 13 (11+2)
Alastor 13 (12+1)
Garruk 10 (9+1)
Seymar 4 (2+2)
Baltazar (não rolou iniciativa)
Quiroman (não rolou iniciativa)

************************************

TODOS:
Rapidamente as sombras que formam a criatura vão rapidamente tornando-se mais sólidas. Do meio dela uma espécie de dentes feitos de sombra começam a se abrir, e vc´s podem ouvir gritos e gemidos de desespero e dor lá de dentro. Quando a "boca cheia de dentes" se abre por completo, um volume cai no chão no meio de uma substância gosmenta muito parecido com uma placenta, aos poucos pés e mãos desesperados vão rasgando a placenta e pedindo por socorro.

HALT:
Na iminência do perigo e na tentativa desesperada de ajudar seus companheiros vc tenta uma manobra arriscada demais para suas habilidades e quando tenta virar o cavalo, que já estava assustado com a criatura, ele pisa em falso e cai no chão com todo o peso dele sobre vc.
Citação:
Sistema: não possui habilidade de cavalgar, rola com -7, tirou 2, verde, falha crítica.


ALASTOR:
Vc esbraveja para Garruk mas num impulso de desespero ele ignora suas recomendações. Após avançar com toda sua força sobre a criatura vc passa por ela atacando as sombras. Assusta-o a sensação de dirigir ataques a uma criatura como essa, não é a mesma coisa que atacar o metal de uma armadura ou escudo e não se sente o impacto do ataque em seu braço, que já calejado, sente falta, como se estive atacando o ar.
Citação:
SISTEMA para persuasão: segundo o Marcelo Rodrigues, apesar de não aparecer no livro de regras (coisa que ele pretende resolver) não é permitido que um personagem jogador use testes de persuasão em outro.

Citação:
SISTEMA para Ataque: L4+2(carga)-4=2, tirou 9, amarelo, 7 pontos de dano na EH.


GARRUK:
Vc tenta guiar o cavalo ma direção de Seymar, mas a montaria se assusta com a presença da criatura e sua aura gélida e empina fazendo-o perder o controle e quase cair.
Citação:
SISTEMA: vc não declarou que vai descer do cavalo, portanto, vai atacar montado e precisa ter a técnica Combate Montado e fazer um teste da habilidade Montar Animais, vou considerar o dado como sendo o da habilidade. não possui habilidade de cavalgar, rola com -7, tirou 9, branco, falha.


SEYMAR:
Com uma expressão desesperada Seymar grita para vc´s enquanto avança com o cavalo em direção à criatura:
Não seus idiotas! Fujam! Fujam! E não o ataquem, ele é forte demais, vc´s precisam proteger o sobrinho de irvem e levá-lo em segurança!!!

QUIROMAN:
Quiroman avança saindo da cidade e já distante grita para vc´s:
Venham, temos um objetivo a cumprir.

BALTAZAR:
Quando vc pára para falar a criatura parece fitá-lo com um olhar ameaçador, a chama rubra dos olhos da criatura parecem aumentar enquanto ela o observa e fala com uma voz sobrenatural e metálica:
Você...

TODOS:
Baltazar, Alastor e Halt, rolem ym d20 pra testar a RM de vc´s. Já podem tbm dizer a ação e rolar o ataque, mas um dado de ataque por vez por favor.

Enviado por: Mingo - sexta-feira, 20 de abril de 2012 16:40:12
(Off, Samyaza, pela ordem que eu tinha escrito as ações, o dado para lidar com animais o resultado foi 11, provavelmente não mude mto, mas ao menos não sera um resultado crítico eu espero. Abraço)

Enviado por: Samyaza - sexta-feira, 20 de abril de 2012 17:44:46
HALT:
Esqueça aquela sequencia de dados e role agora pelo menos 1d20 que será pra sua RM, dependendo das outras ações, já pode rolar os dados delas tbm, mas role, apenas, um dado para ataque,ok?

Enviado por: Leonardo - sexta-feira, 20 de abril de 2012 17:56:34
(Samyasa, eu fui ferido ou feri a criatura??)

Depois de atacar grito para todos:

Quiroman está certo, a criatura é muito poderosa, temos que bater em retirada!!!!

Dito isso eu saio de perto da criatura me protegendo com os escudo caso a criatura me ataque.

(Dados RM)

[1d20]

Enviado por: Baltazar - sexta-feira, 20 de abril de 2012 18:01:01
Baltazar simplesmente ignora a mulher.
- Sim, é o jeito. Vão, eu irei testar uma coisa antes disso.
Ele fita o ser, preparando-se para usar magia. Talvez sua hipótese estivesse certa, iria saber em seguida
[1d20] para a RM

Enviado por: Samyaza - sexta-feira, 20 de abril de 2012 18:32:53
BALTAZAR:

Vc está declarando a sua ação, se pretende lañçar alguma magia ou fazer outra coisa deixa escrito logo.

ALASTOR:
Vc atingiu a criatura

Enviado por: Baltazar - sexta-feira, 20 de abril de 2012 22:20:30
Ele se prepara para usar a magia Manipulação de Luz no monstro, para saber se o mesmo tem uma fraqueza relacionada com a luz
[1d20]

Enviado por: Mingo - segunda-feira, 23 de abril de 2012 14:54:10
ainda em baixo do cavalo eu apenas tento afastar ele de cima de mim. dado para RM [1d20]

Enviado por: Samyaza - terça-feira, 24 de abril de 2012 19:22:14
CRIATURA
Após largar a bolsa de placenta com os prisioneiros a criatura parece se esticar em tamanho e conforme se amplia seus inúmeros tentáculos de sombra negra parecem formar um arco ao redor de vc´s como num abraço. A criatura solta um grito estridente e metálico e o medo e o desespero vão tomando conta de vc´s.
Sistema [Alastor]: Nível da magia 6 contra RM 2, cruzando na tabela de RF e RM dá 15, tirou 14, falha.
Sistema [Baltazar]: Nível da magia 6 contra RM 4, cruzando na tabela de RF e RM dá 13, tirou 7, falha.
Sistema [Halt]: Nível da magia 6 contra RM 2, cruzando na tabela de RF e RM dá 15, tirou 9, falha.

ALASTOR:
Enquanto vc recuava com o escudo o grito ensudercedor da criatura lhe causa um medo que logo se torna um pavor incontrolável, sua mente é tomada por um terror que vc não é capaz de controlar e a única coisa que vc pensa é em afastar-se o mais rápido da criatura.

Vc deverá fugir por 10 rodadas, não podendo fazer nenhuma outra ação durante esse período.

BALTAZAR:
Vc tenta se concentrar em lançar a magia, mas a voz metálica da criatura se amplia tirando sua concentração e levando-o ao desespero, seu cavalo, assustado, atravessa os muros da cidade correndo em disparada.

Vc deverá fugir por 10 rodadas, não podendo fazer nenhuma outra ação durante esse período.

HALT:
Seu cavalo se levanta assustado e por pouco não o pisoteia, ele galopa relinchando em desespero para longe da criatura, o mesmo medo o toma e mesmo ainda aturdido pela queda vc começa a fugir, inicialmente arrastando-se pelo chão até que consegue se levantar e correr.

Vc deverá fugir por 10 rodadas, não podendo fazer nenhuma outra ação durante esse período.



OFF:
Ficarei no aguardo do Garruk, o Quiroman não aparece mais neh?

Enviado por: Leonardo - terça-feira, 24 de abril de 2012 23:59:52
CORRAM SEUS TOLOS!!! A CRIATURA É DEMAIS PARA NÓS!!!

Saio correndo apavorado e no meio do caminho puxo Baltazar (se ele estiver desmontado) para longe dali o mais rápido que eu posso.


Enviado por: Mingo - quarta-feira, 25 de abril de 2012 8:26:09
ao conseguir levantar corro o máximo possivel para longe....

Enviado por: Baltazar - quinta-feira, 26 de abril de 2012 12:40:31
Baltazar salta do cavalo, sabendo que não conseguiria acalmá-lo. Ele se apoia no seu cajado, vai na direção dos portões.

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 26 de abril de 2012 13:02:15
Pessoal, alguma noticia do Garruk?

A partir de amanhã não devo mais entrar na internet, estarei indo pro RJ e volto na quarta, mas só devo voltar a postar na quinta feira, caso ele não apareça, continuarei sem ele. Por favor tenham paciência, mas, se até quinta a coisa não se resolver, tentarei algumas medidas pra dar uma cadência melhor no jogo.

Enviado por: Aurhus - quarta-feira, 2 de maio de 2012 23:02:19
off:malz ae!!!

Ao ver que meus companheiros fogem me ponho entre a criatura e os portões e grito com um sorriso sarcastico nos labios:
Venha criatura infernal e me enfrente!Ou sera que não é pareo para Garruk, o anão exilado!!!

Dados para montar animais e persuasão:

Enviado por: Leonardo - quinta-feira, 3 de maio de 2012 13:02:21
Quando vejo Garruk ficando para traz para enfrentar a criatura, grito para ele:

GARRUK SEU TOLO VOCÊ QUER MORRER???

Com a lembrança do medo pavoroso da criatura, fico indeciso se devo ou não ajuda-lo.

(Samyasa, eu quero ajuda-lo, mas quanto tempo dura a "magia de medo" da criatura??)

(off: Garruk, tu quer parar de jogar, por isso quer morrer?? hehehe Muito Feliz )

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 3 de maio de 2012 15:58:15
ataque da criatura

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 3 de maio de 2012 15:58:56
sem rolar o d20 não vai aparecer resultado neh:
[1d20]

Enviado por: Aurhus - quinta-feira, 3 de maio de 2012 22:33:40
off:naum quero parar só estou interpretando o carater do meu personagem

Enviado por: Baltazar - sábado, 5 de maio de 2012 3:46:38
- Vamos!
Chamou ele, parando. Não iria abandoná-los, com certeza.

Enviado por: Samyaza - sábado, 5 de maio de 2012 19:40:49
CRIATURA:
A criatura estende seus tentáculos de sombra na forma de braço, entrelaçando-os num maçiço de trevas, que ela direciona de forma violenta em Quiroman. O golpe é tão forte que lança-os ao chão, o cavalo caindo por cima dele.
Citação:
Sistema: L10-3=7, tirou 18, azul claro, 100% de dano, causou 24 pontos de dano (17 na EH 7 na EF)


SEYMAR:
Aproveitando-se que a criatura se distraíara com Quiroman, Seymar se aproxima da criatura e com a ajuda de uma faca vai rompendo a "placenta" enegrecida e começa a tirar pessoas de lá de dentro.
"Vão! Estão livres! Corram!!!"

GARRUK:
Vc tenta manobrar o cavalo mas o animal está em muito assustado e vc apenas faz movimentos em círculos e mal consegue mantê-lo no lugar. Quando vc grita a criatura dirige seus olhos vermelhos para vc e flutuando do chão vai estendendo seus tentáculos negros numa forma parecida com a de asas.
Citação:
Sistema de montar animais: não possui nível, rola com -7, tirou 12,branco, falha.

Citação:
Sistema de persuasão: rola com 2, tirou 9, amarelo, sucesso


ALASTOR, BALTAZAR E HALT:
Vc´s disparam fugindo apavorados da criatura durante algum tempo, quando se sentem seguros e o medo vai diminuindo vc´s criam coragem para parar e se virar afim de verem o que ocorre, há quase uns 200m longe da monstro vc´s percebem que Garruk e Quiroman param, tentando enfrentar a criatura e Seymar com uma faca, abre a "placenta" e de lá vai puxando algumas pessoas

Enviado por: Leonardo - domingo, 6 de maio de 2012 11:33:03
Droga!! Não acredito que deixamos nossos companheiros para traz!!! TEMOS QUE VOLTAR!!

Minhas pernas ainda tremiam pela lembrança do medo do monstro, mas com a visão dos companheiros em perigo, me renovo de coragem e corro na direção da criatura, com o martelo pronto par o ataque.

Enviado por: Mingo - segunda-feira, 7 de maio de 2012 9:16:40
[oq eu fiz? eu pensei em atacar seymar!!]

corro até ficar a 100 metros da criatura, la chegando começo a disparar com o arco.


Enviado por: Baltazar - segunda-feira, 7 de maio de 2012 23:38:09
- Droga!
Praguejou o mago, ao ver a situação. Sem pensar, retomou a coragem e voltou correndo, preparando a magia Bola de Fogo para atacar o monstro.
[1d20] >> Para a magia

Enviado por: Aurhus - terça-feira, 8 de maio de 2012 22:20:50
Vem criatura nojenta!Vem!HA,HA,HA!

Ao gritar isso salto do cavalo pra cima da criatura.
dados:[1d20]

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 10 de maio de 2012 18:22:32
Ataque da criatura
[1d20]

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 14 de maio de 2012 20:50:41
CRIATURA:
A criatura com seus tentáculos de escuridão abertos em forma de asa, direciona um deles na direção de Garruk acertando ele o cavalo e lançando ambos ao chão.
Citação:
Sistema: L10-2=8, tirou 14, vermelho, 75% de dano, 18 pontos de dano sendo 14 na EH e 4 na EF


SEYMAR:
Seymar ajuda as últimas pessoas a saírem, são, ao todo, 4 pessoas, sendo dois deles mais velhos, uma jovem e uma criança que ela pega no colo enquanto sobe no cavalo.

ALASTOR:
Vc corre com o martelo passando por Quiroman caído até estar bem perto da criatura e de Seymar.

BALTAZAR:
Vc procura manter a calmar e se concentrar, aos poucos vai lembrando os versos, gestos e fetiches para a evocação da bola de fogo, um calor vai tomando o seu corpo até se expandir para além de sua pele, até que, com a última palavra dos versos uma círculo de fogo sai de suas mãos voando em espiral até a criatura que com um movimento de seus tentáculos se desvia do ataque e a explosão de fogo acaba atingindo um prédio atrás da criatura.
Citação:
Sistema: Teste de ataque com coluna igual ao nivel da magia, 1, tirou 3, branco, falha



HALT:
Bem mais precavido que os demais, vc pára, ainda longe da criatura e dispara contra ela porém, seus julgamentos sobre Seymar e seus amigos enfrentando a morte certa, com Quiroman caído e Garruk sendo violentamente atacado, parecem tirar-lhe a concentração necessária para o disparo e a flecha passa longe da criatura.
Citação:
Sistema: L7-4, coluna 3, tirou 5, branco, falha.


GARRUK:
Vc é derrubado no chão com o golpe da criatura e levanta-se quase rosnando para ela, correndo e gritando vc tenta acertá-la com seu punhal sem sucesso.
Citação:
Sistema: L4-4 = 0, tirou 7, branco, falha.



Enviado por: Leonardo - segunda-feira, 14 de maio de 2012 22:36:16
Ataco a criatura com quantos golpes eu conseguir com meu martelo.


Enviado por: Baltazar - terça-feira, 15 de maio de 2012 19:31:28
- Droga. Ela é imune á fogo, pelo jeito..
Ele se concentra para a próxima magia, Manipulação de Luz. Com a mesma, tenta atirar um feixe de luz no monstro.

[1d20]>>> Dados da magia

Enviado por: Mingo - quarta-feira, 16 de maio de 2012 18:45:21
[merda merda merda.... preciso me concentrar mais..... preciso ajudar os outros]

Disparo com a flecha na criatura


Enviado por: Aurhus - sábado, 19 de maio de 2012 21:10:41
Continuo freneticamente atacando ela e grito:FUJAM SEUS TOLOS FUJAM!NÃO ENTENDERAM AINDA?

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 21 de maio de 2012 13:19:42

ALASTOR:
Role 1d20 para testar sua RM contra força de ataque 4 por favor, prossigo após a rolagem.

Enviado por: Leonardo - segunda-feira, 21 de maio de 2012 17:08:08
(Dado solicitado)

[1d20]

Enviado por: Samyaza - quarta-feira, 23 de maio de 2012 14:01:13
CRIATURA:
A criatura vira seus olhos negros em direção à Alastor, a chama parece aumentar enquanto ao redor da criatura o frio aumenta consideravelmente.

Citação:
sistema: Magia Covardia 4 [LdM pg. 45 LdC pg. 199], cruzando a tabela força de ataque 4 contra força de defesa 2, precisa tirar 13 ou mais, tirou 9, falha, perde 20 pontos de EH [Obs: neste caso, se a EH for abaixo de zero os pontos que excederem não são descontados da EF]


SEYMAR:
Seymar galopa uns poucos metros se afastando da criatura, quando pára, coloca a criança no chão e grita para vc´s:
Ele é invencível, vc´s não terão chances, corram, corram para proteger Baltazar!

ALASTOR:
Vc faz um ataque pouco efetivo contra o monstro que facilmente se esquiva. Quando os olhos vermelhos da criatura fitam os seus vc é tomado por um medo sobrenatural, todos os seus temores mais antigos vêm à tona em sua mente com uma velocidade enorme, seu corpo esfria enquanto vc começa a suar e seus músculos se contraem em espamos que atrapalham seus movimentos.
sistema: L2-4 = -2, coluna -2, tirou 11, amarelo, sucesso, 25% de dano na EH

BALTAZAR:
Vc se concentra numa nova magia, rapidamente recita os versos que criam uma luz tênue próxima ao seu cajado, com um movimento de braço vc direciona o cajado para a criatura e o círculo luminoso avança por pelo menos uns 10 metros, a fumaça que sai da criatura devido ao frio pode facilmente ser percebida quando iluminada, mas a criatura não demonstra nenhum tipo de reação com a luz.
Citação:
Sistema: A descrição da magia diz em nível 1, diz: "Cria uma tênue luz de 10 metros de diâmetro por 10 rodadas. Não pode ser usada para cegar o oponente." [LdM pg.80] Portanto, não pode ser usada para ferir


HALT:
Vc dispara outra flecha que, como a anterior, passa facilmente pela criatura sem atingi-la. Aos poucos a frase de Seymar começa a lhe fazer algum sentido e vc se recorda da prioridade de defender Baltazar e encontrar Irvem.
Citação:
Sistema: L7-4 = 3, coluna 3, tirou 4, branco, falha.


GARRUK:
Faltaram seus dados de Ataque cara, role-os para eu fazer as verificações.


Enviado por: Leonardo - quarta-feira, 23 de maio de 2012 18:54:35
Quando sou tomado pelo medo, começo a dar passos vacilantes pata traz até que eu tropeço e caio e me vendo numa situação extremamente indefesa me levanto e saio correndo na direção oposta, esquecendo de tudo e todos, a única coisa que mantenho seguro é meu martelo, porque minha mão se retesou de medo e não abriu até eu estar bastante longe da criatura.



Enviado por: Baltazar - quinta-feira, 24 de maio de 2012 22:18:44
Baltazar pragueja.
- Esse monstro é mais difícil de derrotar do que pensei.
Ele olha ao redor, e pensa na próxima magia. Baltazar começa a preparar a magia Transformação.
>>> Dados da magia [1d20]
O mesmo visa transformar o monstro num urso, que seria mais fácil de matar do que aquela coisa.

Enviado por: Aurhus - sábado, 26 de maio de 2012 20:23:43
ops
[1d20]

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 31 de maio de 2012 17:54:25
OFF

Tenho demorado a postar pq estou com alguns problemas pessoais (obras em casa e outras coisas pra organizar).
Poderia postar hj mas o mingo ainda não voltou e como ele deu um prazo de retorno achei prudente esperar, porém, a decisão será de vc´s se aguardamos ou não o regresso dele, haja vista, estarmos engajados num combate. Uma outra observação que eu queria fazer, a criatura que vc´s estão enfrentando é bem perigosa, se usar tudo o que ela tem, pode ser letal. Não sei se vc´s tinham ciência disso, por isso to avisando, nem sempre, coloco inimigos que estão ali para serem derrotados, as vezes é um recurso que uso pra dar direcionamento a campanha, mas a insistência em atacar pode acabar trazendo prejuízos.

Abraços!

Enviado por: Leonardo - sexta-feira, 1 de junho de 2012 0:31:56
OFF

Bom, eu dei no pé, a criatura já me venceu com a magia do medo. Triste

Enviado por: Mingo - quarta-feira, 6 de junho de 2012 17:30:48
Procuro um cavalo e tento me aproximar dele acalmando para monta-lo (1d20 para isso) se conseguir vou a galope até Baltazar e o coloco no cavalo comigo, se for preciso usar força, usarei... ao lembrar de encontrar Irvem e levar Baltazar para ele eu desisto de atacar o monstro.

portanto, 2d20 para as ações

Enviado por: Samyaza - quarta-feira, 6 de junho de 2012 18:57:17
CRIATURA:
A criatura estende seus tentáculos negros ao redor de Quiroman e seu cavalo, levantando os dois e arremessando-os para longe.

SEYMAR:
Seymar avança com o cavalo sobre a criatura parando entre vc´s e ela.

ALASTOR:
Vc se afasta da criatura correndo pela estrada.

BALTAZAR:
Vc se concentra, repete as frases de conjuração da magia mas percebe que o karma mal se movimenta ao seu redor nem sequer atingindo a criatura, a energia que vc concentra se dissipa ao se afastar poucos metros de vc.
Citação:
sistema: a descrição da magia transformação 2 diz que pode transformar a criatura em outra semelhante, no caso, um urso não é semelhante a esta criatura.


HALT:
Vc consegue montar o cavalo com dificuldade e ele lhe obedeçe, vc se aproxima de Baltazar que parecia estar no fim de uma conjuração quando vc o puxa pelo braço, colocando-o no cavalo.

GARRUK:
Off: apenas me confirme que sua ação será atacar ou se vc vai fugir com os demais, ok?

Enviado por: Leonardo - quarta-feira, 6 de junho de 2012 20:28:58
(Quiroman caiu perto de mim??)

Se sim

Corro na direção de Quiroman e digo:

Que lástima!! O que eu fui fazer e que sortilégio é esse que me mostra meus piores medos???Você está bem Quiroman??

Enviado por: Aurhus - domingo, 10 de junho de 2012 19:17:17
Continuarei atacando para tentar servir de distração para que os outros fujam assim que eles estiverem a uma boa distancia eu fujo.

Enviado por: Samyaza - terça-feira, 19 de junho de 2012 18:18:14
ALASTOR:
Avançando até Quiroman enquanto grita vc não obtém nenhuma resposta,apenas o silêncio e o corpo dele caído com o rosto na lama. Aproximando-se ao virá-lo de frente vc o faz com dificuldade como se os ossos do corpo dele estivessem quebrados e vc tenta-se mexer um saco de arroz. Os olhos dele estão esbugalhados e logo que vc o vira, espasmos o fazem cuspir sangue e urinar além de um forte cheiro de fezes que se espalhaao redor dele.

HALT E BALTAZAR:
Vc´s cavalgam até uma distância segura e quando o medo começa a desaparecer de suas mentes vc´s reúnem forças para olhar para trás e ver que ainda Seymar e Garruk lutam contra a criatura.

GARRUK:
Apenas Seymar continua numa distância onde pode ser atacada pela criatura. Vc pretende continuar atacando ou vai fugir?

Enviado por: Aurhus - quinta-feira, 21 de junho de 2012 14:19:18
Ja que estão todos longe eu fujo.

Enviado por: Leonardo - quinta-feira, 21 de junho de 2012 16:23:05
Vendo Quiroman naquele estado e vendo que não poderia fazer mais nada por ele, seguro em sua mão com delicadeza e digo tentando manter a voz calma:

Calma rapaz, vai acabar tudo bem, ouviu?? Você lutou bravamente, você será recebido nos Salões de Crisagon e Maira e então não sentira mais dor e viverá ao lado dos mais honrados e amantas da natureza pela eternidade...

Enviado por: Baltazar - sexta-feira, 22 de junho de 2012 18:16:23
Baltazar fita Quiroman, estupefato.
- Não morra! Vamos, não morra!
Exclamou ele, perdendo o controle. Já havia visto muitas mortes acontecerem naqueles últimos dias, e agora quem morria era Quiroman. Não era possível.

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 25 de junho de 2012 21:52:41
TODOS:
O momento de tristeza pelo luto de Quiroman é quebrado por um grito. Seymar está sendo violentamente atacada pelo monstro. Olhando para ela vc´s veem o cavalo dela caído no chão e ela de quatro, se levantando toda coberta de lama.

Apesar do impulso de ajudá-la tomar seus corações, suas mentes são invadidas pela ameaça da criatura e vc´s percebem que ela está se sacrificando para que vc´s tenham a oportunidade de fugir. E agora, cara um de vc´s terá que escolher se vão ajudá-la ou se continuam a fuga.


Enviado por: Samyaza - sexta-feira, 29 de junho de 2012 15:07:01
BALTAZAR, GARRUK E HALT:

Preciso saber qual será a ação de vc´s para prosseguir. Vc´s vão voltar e ajudá-la? Continuar a viagem? Ou tomar outro rumo? Sei lá, mas preciso da ação de vc´s pra ter um direcionamento tbm.

Enviado por: Leonardo - domingo, 1 de julho de 2012 19:13:07
Quando vejo Seymar enfrentando a criatura digo com a voz rouca e triste:

Vamos, não podemos fazer mas nada, ela escolheu o próprio destino quando nos traiu e nos levou até aquela criatura e nós temos a nossa missão para concluir.

(Samyasa, não sei se vou poder postar com regularidade)

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 16 de julho de 2012 13:06:11
Pessoal,

exceto o Leonardo (Alastor Blongor) que já confirmou,vc´s ainda tem interesse em jogar, caso não,por favor avisar pois precisarei fechar o tópico.

Enviado por: Baltazar - terça-feira, 17 de julho de 2012 21:36:37
Eu também tenho. Desculpe á demora para responder, meu pc deu problema e fiquei duas semanas sem a internet, rs.

Enviado por: Samyaza - quarta-feira, 1 de agosto de 2012 15:16:27
Pessoal,

O Garruk não vai mais poder jogar no PbF, conversei pessoalmente com ele e ele assumiu muitos compromissos e terá que sacrificar algumas coisas.

Os demais, ainda se interessam em prosseguir?

Enviado por: Leonardo - quarta-feira, 1 de agosto de 2012 21:12:05
Por mim pode continuar e se quiser coloca agente no grupo 2.
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1068
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 32
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Especialidade: Franco-Atirador

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum