Arco 1 - Os portões de Agrimir

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Mingo em Dom 25 Fev 2018, 21:55

Fico como uma criança na mesa dos adultos, desconfortável e sem saber oq fazer, até o vinho me é estranho, estou mais acostumado a forte cerveja anã.

(Off: por mim segue o jogo)

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:17        ABSORÇÃO:3       EF:19       KARMA:2

EQUIPAMENTOS: cinto, pederneira, par de botas, capa, par de luvas, aljava com 20 flechas, faca, arco e armadura de couro leve

CARACTERÍSTICAS GASTAS: Nenhuma até o momento

EXPERIÊNCIA: 4xp


FICHA DO PERSONAGEM:

Mingo

Mensagens : 88
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 31
Localização : Osasco/SP

Ficha do personagem
Nome: Nate
Posto: Aspirante
Status: 1 Lesão

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vercenorax em Seg 26 Fev 2018, 11:09

Sentado ao balcão eu presto atenção na conversa do guarda com Barl e penso:
[Nessa cidade tudo se entrelaça, interessante saber disso, pode ser útil no futuro.]

Bebo um gole de vinho e continuo com meu pensamento, ouvindo o que o taverneiro tem a dizer sobre a meio-elfa:
[Alguma coisa deu errado do outro lado da "Parede" então, já que estou indo pra lá vou ver como me arrumo.]

Comento com Barl sobre a mulher:
Vou lá me sentar com ela, ver no que dá o resto da noite. HAHAHAH.

Dou um gole do resto do vinho que está na minha caneca e vou me sentar à mesa com os demais. Puxo uma cadeira e me sento perto da meio-elfa me apresentando:
Um prazer estar em vossa companhia caríssima dama. Qual o ar da sua graça? Me chamo Artos, ao seu dispor.

Respondo a Vence:
Mestre Valorum vinho comum já me serve bem. Quais serão os pormenores do trabalho. Estou deveras interessado nele.

Antes que comece a falar eu reitero:
Proteção é do que mais vai precisar. Já quase lhe mataram. Ou tens grandes inimigos ou ferrenhos concorrentes.

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 452
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 24
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por bcsaulo em Seg 26 Fev 2018, 15:21

Me sento a mesa junto com o empregador e aguardo as instruções, se houver algo para beber de graça eu bebo para parecer mais viajado.

_________________
INFORMAÇÕES:
EH: [58] [-9 -20] = 29     ABSORÇÃO: = 22      EF: 20 =      KARMA: 0     DEFESA P2/P4

EQUIPAMENTOS: Couraça Parcial, Elmo Fechado, Escudo Grande, 2 Machados de Batalha, 1 Montante, Ração para viajantes (Frutas, pães e carne seca), Cantil com água e 11 moedas de ouro e 5 moedas de prata.

EXPERIÊNCIA: 35xp


FICHA DO PERSONAGEM:


FICHA DO PERSONAGEM - A FLORESTA DO SILÊNCIO:

avatar
bcsaulo

Mensagens : 538
Data de inscrição : 07/10/2013
Localização : [roll="d20"]x[/roll]

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por †_Junior_† em Seg 26 Fev 2018, 15:59

Sorrio para Arias e falo antes dos homens se sentarem:

Minha cara, se um dia sentir-se cansada de servir bebidas para homens bêbados demais para saber seus próprios nomes e como manusear efetivamente uma espada, me procure na Casa dos Prazeres. Existem muitas possibilidades para você lá. Há muitos que apreciariam sua beleza singular.

Me viro para Vence e o recém apresentado Artos e comento:

Pelo visto tentaram acelerar seu encontro com Cruine, meu caro Vence. Mas bom que está cercado de homens valorosos... Pode me chamar de Sylvana, meu caro.

Vence, estou muito interessada nesse sua comitiva que partirá para a muralha. Sou muito curiosa com novos povos e homens, e as terras selvagens parece uma excelente oportunidade. Obviamente, não possuo as capacidades para atravessar a região sozinha. Acredito que possamos nos ajudar mutuamente nessa viagem.

Nesse instante tomo um gole do vinho e passo a língua pelos lábios e me atento ao anão calado. Olho para ele e pergunto:

Sr, fale um pouco. Sempre tive interesse na perspectiva dos anões. O que aconteceu aqui?




_________________
INFORMAÇÕES:
EH:9        ABSORÇÃO:12      EF:14       KARMA:8

EQUIPAMENTOS: Punhais, Roupa Tingida, Flauta de Madeira, Calçado e Luvas, Capa, Cachecol, Par de Botas, Cinto, Mochila de Couro e Cantil.

EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
†_Junior_†

Mensagens : 397
Data de inscrição : 06/10/2013
Idade : 24
Localização : Recife PE

Ficha do personagem
Nome: Cristhian Theofilakis
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Mingo em Seg 26 Fev 2018, 16:16

Enrubesço como uma criança, tentando esconder meu desconforto com o copo. Vendo que não terei como ignorar a mulher bonita respondo em voz baixa.

Mim chamaru de fidido, mim toma banho e não gosta de mintira.

Tento procurar alguma coisa para fixar o olhar, evitando a todo custo cruzar o olhar com a bela mulher.

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:17        ABSORÇÃO:3       EF:19       KARMA:2

EQUIPAMENTOS: cinto, pederneira, par de botas, capa, par de luvas, aljava com 20 flechas, faca, arco e armadura de couro leve

CARACTERÍSTICAS GASTAS: Nenhuma até o momento

EXPERIÊNCIA: 4xp


FICHA DO PERSONAGEM:

Mingo

Mensagens : 88
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 31
Localização : Osasco/SP

Ficha do personagem
Nome: Nate
Posto: Aspirante
Status: 1 Lesão

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vercenorax em Seg 26 Fev 2018, 21:20

Comento por cima:
É inusitado uma peça tão bela como você Sylvana, procurar aventuras em lugares hostis como os Ermos. Mas quem sou eu pra questionar?! Nasci na zona e veja onde estou! HAHAHAHAHAHA

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 452
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 24
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por †_Junior_† em Seg 26 Fev 2018, 21:59

[Será esse anão retardado?]

Olho com doçura para aquele anão forte e sem jeito e digo:

Tenho certeza que você não fede. Não deixe que ninguém diga isso de você.

Me viro para Artos:

Realmente, meu caro. Mas já viajei bastante por essas terras conhecidas e gostaria de viajar por terras ainda não tão exploradas. Todos os contos e culturas que posso aprender pode ser realmente... excitante.


_________________
INFORMAÇÕES:
EH:9        ABSORÇÃO:12      EF:14       KARMA:8

EQUIPAMENTOS: Punhais, Roupa Tingida, Flauta de Madeira, Calçado e Luvas, Capa, Cachecol, Par de Botas, Cinto, Mochila de Couro e Cantil.

EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
†_Junior_†

Mensagens : 397
Data de inscrição : 06/10/2013
Idade : 24
Localização : Recife PE

Ficha do personagem
Nome: Cristhian Theofilakis
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vieirinha em Ter 27 Fev 2018, 01:42

O anão leva um tempo pra se recuperar da imagem maravillhosa daquela mulher exuberante que entrou no recinto... Ele nunca imaginou que fosse ver algo tão belo em meio aos elfos... e essa com certeza era mulher!

Voltando aos acontecimentos... Para Yeru tudo o que o elfo do ombro machucado faz só aumenta ainda mais sua suspeita... Ele ouve o elfo falar de voz alta e isso aguça seus sentidos... Sua desconfiança aumenta ainda mais quando ouve a resposta do contratante...

Yeru então caminha com passos pesados batendo os pés no chão... Para diante dos elfos, encara o do ombro ferido e diz...
"Não pense que vc me engana com esse teatrinho garoto... Daqui pra diante meus dois olhos vão estar em você... E reze para seu Deus que meu martelo não seja o próximo a estar sobre você..."

Sai andando de fasto até onde está Oin...

_________________
INFORMAÇÕES:

EH:22     EF:36    KARMA: 0
EQUIPAMENTOS: nenhum
EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:




"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 182
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 42
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Status: 4 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vercenorax em Ter 27 Fev 2018, 11:19

Para Sylvana:
Entendo seu ponto de vista. Eu acho mais interessante lucrar com o dinheiro dessas culturas, mas é uma questão de ponto de vista. Hahahaha.

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 452
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 24
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Samyaza em Qua 28 Fev 2018, 19:37

Para Thadiel e Aeron   -  [X] 
Ao ouvir as palavras de Aeron os olhos de Thadiel brilham, o elfo então responde:

"Flauros é o nome do maldito, mas, só vim descobrir isso depois enquanto investigava, realmente, minhas pistas levavam a alguma espécie de culto, que parece estar se espalhando rapidamente. Se seu amigo foi atrás dele sozinho, então ele está correndo muito perigo, eu estava presente quando esse diabo desgraçado ateou fogo em um grupo inteiro de heróis.

Não sei se encontraremos uma saída daqui hoje, os muros estão bem vigiados, talvez seja melhor procurar abrigo e esperar até que a guarda deixe a cidade e tudo fique mais vazio, então, damos um jeito de atravessar."

O que vocês farão? 




Para Sylvana, Artos, Oin, Lambelas, Yeru e Covaz   -   [X] [x] [x] [x] [x] [x]

Sares contorna a mesa enquanto segurava o braço ferido e caminhava em direção à saída a fim de acompanhar os guardas até um local onde pudesse ser tratado, ao ser interrompido por Yeru ele olha para o anão com uma mistura de ódio e desdém:

"Diga-me anão, o que eu ganhei com todo esse teatro que possa ser considerado prêmio melhor do que o de vocês? Se seu raciocínio é fraco, é melhor moderar sua língua, não preciso de dois braços para arrancá-la."

A frase em tom provocativo chama a atenção de Barl e Vence, o primeiro olha preocupado, temendo mais uma peleja, o segundo olha com reprovação para o elfo e o anão. Vence tenta mediar a situação:

"Já perdi um investimento com brigas hoje, não quero perder outro. Elfo, contenha-se, a boa quantia de moedas que tenho não fazem com que goste menos delas, pagarei pela flecha que recebeu em meu lugar, mas não vou pagar para remendá-lo se engraçar-se com Yeru." 


Assim que os guardas removem os corpos o taverneiro deixa o balcão e começa a fechar a porta:

"Já tivemos confusão demais por hoje. Meus amigos, continuarei lhes servindo até que Árias tenha limpado essa bagunça, então, pedirei ou que se acomodem em quartos aqui ou procurem outra estalagem para seu descanso, tudo bem?"


Vence continua enquanto acima mais cartas de crédito:
"Quanto aos pormenores, menti sobre nossa hora de partida, nos reuniremos no inicio da tarde nos portões, pela manhã os outros mercadores estarão preparando as coisas nas carroças, vocês terão tempo para arrumar as suas. Uma mentira inocente que pode nos revelar se mais alguém tentará me impedir de deixar a cidade.

O serviço de vocês é simples, escolta, uma maioria de guerreiros para afugentar bandidos e criaturas vis que possamos encontrar, alguém de olhos e ouvidos atentos e que saiba como um criminoso, um feiticeiro para repelir qualquer mandinga que usem contra nós e, claro, uma boa companhia para os longos dias de viagem"

A última frase é dita olhando de soslaio para Sylvana, então, o mercador continua:
"Infelizmente perdemos nosso guia, não arriscarei levar uma vida que seja incapaz de se defender. Sares ficará em Agrimir, e nós precisaremos de um rastreador competente. Alguma sugestão?"

O que vocês farão?
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1292
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 33
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por arabedoido em Qui 01 Mar 2018, 16:10

Vou tentar pegar desde a chegada à taverna:

Ao chegar, vou até onde o homem está e pedindo licença a todos digo:

- Senhores. Com licença.

Então, para o gordo que foi o alvo da flecha:

- Creio que tenho um assunto de interesse do senhor. Aquela flecha ali. Estava aqui quando o senhor quase foi atingido por ela e saí para perseguir o atirador e o que consegui foi isto (mostro o tecido que arranquei dele). Preciso dizer que pelo que vi, o senhor era o alvo e que foi somente pela graça dos Deuses que o senhor ainda está vivo.

Então, depois de uma pausa para um suspense:

- Talvez lhe interesse saber que sei quem é o atirador e por conhecê-lo tão bem é que posso dizer que ele não é pessoa que erre um tiro. Perdi minha lança por isso, mas pelo menos foi possível saber quem ele é e provavelmente interesse-lhe saber que vim de longe para capturar esse homem. Creio que podemos nos ajudar nesse caso. Não sei por que ele quereria matá-lo, mas talvez sabendo quem nesta cidade o quer morto, podemos saber onde o atirador está.

_________________
Personagem:
avatar
arabedoido

Mensagens : 531
Data de inscrição : 05/10/2013
Idade : 42
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vercenorax em Qui 01 Mar 2018, 21:35

Sentado à mesa dou um gole no vinho e digo por cima:
Os mestres anões gostam de uma zaragata não?! Creio que estejamos bem agora aqui, calmos, e bebendo, no caso mais importante do que calmos. Hahaha.

De acordo com as proposições de Vence comento:
De acordo, descansar bem a noite e amanhã de manhã compro o que me falta de equipamentos para viagem. Trude viaja pesada amanhã. Mestre Vence, viajaremos a pé? Quanto a um bom rastreador vou pensar se me lembro de algum conhecido e bom.

Quando o homem de turbante se aproxima me viro para ouvi-lo. Quando ele acaba de falar comento com ele:
Seu nome caríssimo de cor de jambo. Se conhece tão bem o algoz eu suponho que o seja próximo, ou que ele seja seu inimigo de longa data. Antes de qualquer coisa, parece que esta pedindo uma lança nova. Hahaha, Artos o meu nome.

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 452
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 24
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Blanchard em Qui 01 Mar 2018, 22:21

Ao ouvir o nome de Flauros, meu coração acelera e minhas mãos suam.
Digo para Thadiel, meio descontrolado:
Depressa, vamos nos misturar com alguns desses artesãos e mercadores. Taverna ou Estalagem? Precisamos de indicações e... Moedas. Mas não sou um monge mendicante. Você lidera o caminho, precisarei de longas inspirações.


Depois sigo com ele, pra qual local ele decidir, pensando na urgência do pedido de Palop.

_________________
INFORMAÇÕES:

EH:14     EF:13    KARMA: 10
EQUIPAMENTOS: nenhum
EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
Blanchard

Mensagens : 763
Data de inscrição : 06/10/2013
Localização : [roll="D6"]x[/roll] [roll="d20"]1[/roll]

Ficha do personagem
Nome: Thierry Henry
Posto: Partisan
Status: Intacto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Renan Paladino em Qui 01 Mar 2018, 22:59

"Até a taverna, meu caro! Preciso vender o anel de Tersep para conseguir algumas moedas. Pela manhã pegarei minha montaria no templo e então partiremos em rumo ao Sul." Dizia com determinação, partindo em direção a taverna.

_________________
INFORMAÇÕES:
EH: 16       EF:33       KARMA:6

EQUIPAMENTOS:

EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Renan Paladino

Mensagens : 225
Data de inscrição : 06/10/2013
Idade : 32

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por bcsaulo em Sex 02 Mar 2018, 09:42

Permaneço somente ouvindo as pessoas, quando começarem a se retirar também vou para o quarto.

_________________
INFORMAÇÕES:
EH: [58] [-9 -20] = 29     ABSORÇÃO: = 22      EF: 20 =      KARMA: 0     DEFESA P2/P4

EQUIPAMENTOS: Couraça Parcial, Elmo Fechado, Escudo Grande, 2 Machados de Batalha, 1 Montante, Ração para viajantes (Frutas, pães e carne seca), Cantil com água e 11 moedas de ouro e 5 moedas de prata.

EXPERIÊNCIA: 35xp


FICHA DO PERSONAGEM:


FICHA DO PERSONAGEM - A FLORESTA DO SILÊNCIO:

avatar
bcsaulo

Mensagens : 538
Data de inscrição : 07/10/2013
Localização : [roll="d20"]x[/roll]

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por arabedoido em Ter 06 Mar 2018, 10:38

Olho para Arthos e respondo:

- Bom, perdão por minha falta de modos. Meu nome é Covaz, da família Ahmud da Levânia. E na verdade, ele não é exatamente um inimigo de longa data. O homem que tentou matar este senhor é meu irmão gêmeo. Por causa dele estou aqui, para fazer justiça a ele por ter atentado contra a própria família e ter se aliado a demônios. Por isso posso dizer com certeza. Este homem só está vivo porque os deuses decidiram salvá-lo, porque pelo que conheço meu irmão, sua pontaria é certeira e letal.

Depois, continuando:

- E não, a questão aqui não é a lança, é o paradeiro de meu irmão. Se tentou matar este senhor, é porque deve estar ligado a alguém que possa querê-lo morto.

_________________
Personagem:
avatar
arabedoido

Mensagens : 531
Data de inscrição : 05/10/2013
Idade : 42
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vercenorax em Ter 06 Mar 2018, 14:21

Continuando o diálogo com Covaz:
Entendo então sua segurança em falar sobre seu irmão. Como podemos diferenciá-los já que disse que são gêmeos? E demônios?! Suas família está bem servida hein!

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 452
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 24
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Samyaza em Ter 06 Mar 2018, 15:55

Para todos:


As pálidas bochechas de Árias agora estavam rosadas, talvez de vergonha pela fala direta e sem modos de Sylvana ou talvez por raiva de uma meretriz ofender-lhe o brio. Resignada ela enche a taça de Sylvana enquanto procura manter a neutralidade de sentimentos no tom de voz:

"Obrigada pela oportunidade senhorita".

O contato entre as donzelas é interrompido com a aproximação abrupta, sem entremeios de um misterioso homem de turbante que falava num malês com sotaque muito estranho, as mãos e o pouco do rosto que ficava exposto atrás do turbante negro que carregava denunciavam alguém de pele negra, algo não tão comum na região. 

Esse fato e a fala sobre demônios chama a atenção de Lambelas por já ter ouvido falar de elfos que se entregaram ao uso do mana infernal e tiveram a pele enegrecida, levantando a dúvida se esse homem estaria também corrompido.

Aos anões a conversa tomava um tom ainda mais estranho, o núcleo familiar da raça era extremamente unido, um irmão atentar contra a família era algo inconcebível para eles, coisas de humanos talvez,e ainda havia a questão de demônios, para eles o seres das profundezas haviam deixado esse mundo a muito tempo.

Barl estava a centimetros de fechar a porta quando uma mão do lado de fora faz resistência, o taverneiro abre a porta apenas o suficiente para ver quem era: 
"Já estamos fechados..."

Antes de concluir a frase Barl nota nas vestes e objetos do estranho os sinais do sacerdócio, além disso os olhos do elfo dourado pareciam capazes de dobrar a vontade de qualquer um:

"Os deuses os abençoam, estávamos fechando, por pouco não conseguiriam entrar..."

Com um sinal Barl franque-a-lhes a entrada e se certifica de trancar a porta com uma pesada tora de madeira.
Lá dentro Thadiel e Aeron veem um grupo conversando descompromissadamente após, ao que tudo parecia, uma pela ímpar, nitidamente, havia sido uma noite agitada.

Da mesa os outros notam a entrada de dois elfos, um tinha a pela queimada e traços mais rústicos, além de um forte cheiro de fumo, o outro porém, era tão belo quanto Sylvana, aliás, os olhares do sacerdote e da prostituta ficaram um bom tempo fixos um no outro, como narciso em frente ao lago. Para os anões, aquela visão confirmava o fato de como era difícil diferenciar um elfo de uma elfa.

Lambelas sente um pouco de alívio, outros elfos talvez fossem companhias melhores do que dois anões, um estrangeiro, um ladrão e uma prostituta.

Percebendo que "perdia espaço" com a meio-elfa Vence tenta retomar a atenção de todos na mesa:

"Covaz, suas informações são valiosas, estava me perguntando pq alguém me desejaria morto, é claro que um homem rico e de muitas posses como eu é alvo de ladrões e saltimbancos mas, essa abordagem não me parece serviço de batedores de carteira e sim de assassinos. Agora ao saber que seu irmão, meu suposto algoz, está a serviço de demônios a coisa fica ainda mais misteriosa, não faço a menor ideia de por que gostariam de me ver morto, meu único objetivo é chegar ao sul, talvez seja que não queiram que aconteça. O que minha comitiva tem a dizer sobre isso?"

A palavra demônios é ouvida pelos recém-chegados, chamando-lhes a atenção. Palier parecia desejoso de lhes revelar os segredos que tanto buscavam. Já Sylvana, começa a ficar preocupada, como reagiriam se descobrissem sobre o seu passado?

O que vocês farão?

avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1292
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 33
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vieirinha em Ter 06 Mar 2018, 22:47

Ainda no início, ao ouvir a ameaça de Seres o anão tenta se segurar, mas não consegue conter a longa gargalhada, porém se segura rapidamente ao perceber o olhar de desaprovação de Vence.

Yeru então se aproxima da mesa, puxa uma cadeira e se senta, se fosse um anão comum certamente poderia até mesmo balançar os pés de ansiosidade, porém sua robustez e estatura incomum faz com que seus pés toquem o chão como qualquer humano de baixa estatura...

Ele então toma uma caneca e fica apenas bebendo e acompanhando a conversa...

Quando os dois outros elfos entram no local ele olha e fala em anão para Oin...

>Puta merda... Esses caras não param de brotar! Deve ter um ninho disso em cada esquina! Só sei que aquela ali com certeza é mulher (fazendo um sinal de cabeça para Sylvana) o resto não da pra definir...

Quanto à pergunta de Vence ele apenas levanta a cabeça, olha assustado em volta esperando que alguém se manifeste...

_________________
INFORMAÇÕES:

EH:22     EF:36    KARMA: 0
EQUIPAMENTOS: nenhum
EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:




"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 182
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 42
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Status: 4 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Vercenorax em Qua 07 Mar 2018, 09:46

Da chegada dos elfos eu comento:
Eu já estou começando a ficar incomodado com minha etnia em minoria aqui nesta mesa. Hahahahaha mentira, não me importo.

Para Vence eu digo:
Bem Mestre Valorum, eu nunca vi e desconheço essas criaturas, mas se forem passíveis de se matar, acho que podemos dar um jeito de mandá-las pro inferno de novo. O senhor bem saiba que se a demanda é que o protejamos, será isso que faremos. Da minha parte, eu de onde estou sentado, não tenho sobre o que me arrepender.

Enquanto eu falo penso rapidamente:
[Essas palavras me aparentam estranham da parte de Vence, sabemos que ele é rico e que quer ir ao sul, mas estar repetindo-as constantemente, parece alguém que quer reforçar um engodo.]

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 452
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 24
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Blanchard em Qua 07 Mar 2018, 10:25

Respondo ao taverneiro (malês):
Que os deuses continuem abençoando a nós e a...
Olho a taverna quebrada e o grupo remanescente:
Todos vocês.

Digo para Thadiel:
Não fomos só nós que conhecemos um pouco de animação, eles...

Quando meus olhos se cruzam com os de Sylvana, penso que muito raramente me sinto atraído por alguém. Palier deve estar testando meu autocontrole e minha capacidade de foco. Não ouso sequer cumprimentá-la.

Ao ver o Elfo dourado, faço uma reverência com a cabeça e digo (élfico):
Irmão, meu nome é Aeron e este é meu amigo Thadiel. Caso esteja ferido, posso ajudá-lo.

Pronto para sentar-me com Thadiel em outra mesa, mesmo com todo o treinamento e disciplina, a palavra demônio faz com quem eu arregale os olhos, solte a cadeira e fique novamente em pé, de frente para o grupo.

Relaxo um pouco com a piada sobre raças, feita pelo humano, e tento fingir que não estou surpreso com o assunto demônios ser debatido abertamente em uma taverna.

_________________
INFORMAÇÕES:

EH:14     EF:13    KARMA: 10
EQUIPAMENTOS: nenhum
EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
Blanchard

Mensagens : 763
Data de inscrição : 06/10/2013
Localização : [roll="D6"]x[/roll] [roll="d20"]1[/roll]

Ficha do personagem
Nome: Thierry Henry
Posto: Partisan
Status: Intacto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por bcsaulo em Qua 07 Mar 2018, 14:52

Fico apreensivo quando discutem sobre demônios, já tinha estudado sobre o assunto, mas não ouso nem tocar no assunto para não trazer mau agouro, esperando que tudo fosse apenas engano e superstição dos homens e semi elfos. Quando os dois elfos entram na taverna me alegro após tanto tempo sem ver um igual e quando eles vem me cumprimentar, fico de pé e faço formalmente: "Sou Lambelas!" Aproveito que estou de pé e lhes pergunto, olhando em seguida para Verce, aguardando uma resposta positiva: "Os senhores viajarão conosco as terras selvagens? Será bom ter a companhia de um..." Verifico suas vestimentas e posses a procura de algo que possa denunciar sua posição, caso não ache nada, digo: "Irmão!"

_________________
INFORMAÇÕES:
EH: [58] [-9 -20] = 29     ABSORÇÃO: = 22      EF: 20 =      KARMA: 0     DEFESA P2/P4

EQUIPAMENTOS: Couraça Parcial, Elmo Fechado, Escudo Grande, 2 Machados de Batalha, 1 Montante, Ração para viajantes (Frutas, pães e carne seca), Cantil com água e 11 moedas de ouro e 5 moedas de prata.

EXPERIÊNCIA: 35xp


FICHA DO PERSONAGEM:


FICHA DO PERSONAGEM - A FLORESTA DO SILÊNCIO:

avatar
bcsaulo

Mensagens : 538
Data de inscrição : 07/10/2013
Localização : [roll="d20"]x[/roll]

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por arabedoido em Qua 07 Mar 2018, 21:18

Ouço a todos então respondo primeiro para Arthos, enquanto descubro o rosto:

- É fácil diferenciar a nós dois. De fato, muito simples. Vêem minha testa? Está limpa. Já meu irmão, ou aquele que foi meu irmão, fez uma tatuagem com um símbolo estranho. Se quiserem, posso desenhá-lo aqui, se tiver com o que. Nunca vou me esquecer daquela coisa ridícula que ele tatuou.

Então, para Vence:

- Bom, as razões para ele querer matar o senhor podem ser muitas, desde ele estar fazendo um trabalho para alguém em troca de dinheiro até estar diretamente interessado em impedi-lo, já que uniu-se a um bando qualquer. Posso é dizer que as razões dele são misteriosas até para mim. Um dia ele estava bem e no dia seguinte chegou com um bando e atentou contra a própria família e outros nobres Levas e Verrogaris.

Então, depois de pensar um pouco:

- Em todo caso, se ele está atrás do senhor, então é bom que eu fique por perto caso ele resolva mostrar a fuça outra vez. Minha missão é trazer a justiça Leva até ele pelo que fez. Assim, se não for incomodar, ficarei por perto. Se conheço bem aquele que foi meu irmão, ele não é do tipo que larga fácil o osso.

_________________
Personagem:
avatar
arabedoido

Mensagens : 531
Data de inscrição : 05/10/2013
Idade : 42
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por †_Junior_† em Qui 08 Mar 2018, 21:04

[Quantos homens e muito importantes... isso está ficando cada vez mais interessante...]

Olho para o Elfo Dourado muito belo que entra e sorrio diretamente para ele, levantando o copo que bebo em cumprimento. Quando se fala em demônios, fico levemente séria e faço uma cara de preocupação enquanto falo:

Demônios? Isso é realmente perigoso então. Precisamos de um homem de fé que possa nos acompanhar, senhor Vence. Essas criaturas são perigosas demais, não são?

Minha voz é de alguém assustado com o desconhecido (off: estou fingindo).

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:9        ABSORÇÃO:12      EF:14       KARMA:8

EQUIPAMENTOS: Punhais, Roupa Tingida, Flauta de Madeira, Calçado e Luvas, Capa, Cachecol, Par de Botas, Cinto, Mochila de Couro e Cantil.

EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
†_Junior_†

Mensagens : 397
Data de inscrição : 06/10/2013
Idade : 24
Localização : Recife PE

Ficha do personagem
Nome: Cristhian Theofilakis
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por †_Junior_† em Qui 08 Mar 2018, 21:08

(off: acredito que precisa de um teste de enganação, segue o dado. Meu total é míseros 2 kkkkkkkkk)

†_Junior_† efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :


_________________
INFORMAÇÕES:
EH:9        ABSORÇÃO:12      EF:14       KARMA:8

EQUIPAMENTOS: Punhais, Roupa Tingida, Flauta de Madeira, Calçado e Luvas, Capa, Cachecol, Par de Botas, Cinto, Mochila de Couro e Cantil.

EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
†_Junior_†

Mensagens : 397
Data de inscrição : 06/10/2013
Idade : 24
Localização : Recife PE

Ficha do personagem
Nome: Cristhian Theofilakis
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arco 1 - Os portões de Agrimir

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum