Cena 2: O Dia das Cinzas

Página 20 de 28 Anterior  1 ... 11 ... 19, 20, 21 ... 24 ... 28  Seguinte

Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por †_Junior_† em Sab 03 Fev 2018, 16:11

Certo, certo! Cuidado!

Reviro a caixa em um desespero quase não contido. Encontrando o que preciso, vou atrás de Lotta para dar cobertura e ajudá-la.

(investigação novamente)

†_Junior_† efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:9        ABSORÇÃO:12      EF:14       KARMA:8

EQUIPAMENTOS: Punhais, Roupa Tingida, Flauta de Madeira, Calçado e Luvas, Capa, Cachecol, Par de Botas, Cinto, Mochila de Couro e Cantil.

EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
†_Junior_†

Mensagens : 390
Data de inscrição : 06/10/2013
Idade : 23
Localização : Recife PE

Ficha do personagem
Nome: Cristhian Theofilakis
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Constâncio em Sab 03 Fev 2018, 16:47

Fire in the hooooole!!

_________________
" Quem não vive para servir, não serve para viver! "
avatar
Constâncio

Mensagens : 34
Data de inscrição : 17/11/2017
Idade : 24
Localização : Olímpia - SP

Ficha do personagem
Nome: Wolff
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Samyaza em Sab 03 Fev 2018, 16:47

O membro 'Constâncio' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'd20' :

Resultado :

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:41        ABSORÇÃO:0       EF:14       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: Manto com capuz, gaita, mochila de couro e gládio.

CARACTERÍSTICAS GASTAS: Nenhuma até o momento

EXPERIÊNCIA: 41xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1285
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 33
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Status: 2 Lesões / 1 Ferimento

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Samyaza em Sab 03 Fev 2018, 21:13

Vou descer as escadas o mais rápido que puder e tentar ir em direção ao galpão próximo de 
Blanchard enquanto falo para ele:

"Procure um lugar para se esconder lá dentro."


OFF: se não for atrasar o Blanchard eu pego o rifle com ele.

Se eu conseguir chegar lá dentro, procuro um canto para me esconder.

Teste de Camuflagem
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1285
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 33
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Status: 2 Lesões / 1 Ferimento

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Samyaza em Sab 03 Fev 2018, 21:13

O membro 'Samyaza' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'D6' :

Resultado :
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1285
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 33
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Status: 2 Lesões / 1 Ferimento

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Blanchard em Ter 06 Fev 2018, 09:43

Quando ouço a metralhadora sendo preparada, digo (francês):
Puta que o pariu, fogo supressor, fogo supressor.

E corro o máximo que posso, para abrigar-me:
Atletismo
Blanchard efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
INFORMAÇÕES:

EH:14     EF:13    KARMA: 10
EQUIPAMENTOS: nenhum
EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
Blanchard

Mensagens : 755
Data de inscrição : 06/10/2013
Localização : [roll="D6"]x[/roll] [roll="d20"]1[/roll]

Ficha do personagem
Nome: Thierry Henry
Posto: Partisan
Status: Intacto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Mingo em Ter 06 Fev 2018, 10:48

Nate não consegue deixar de dar um sorriso ao acertar o tiro, não gosta de matar, mas ver que sua habilidade é maior que a dos inimigos é gratificante, ao sentir Norman tentando faze-lo ele se irrita, mas calmamente e sem desviar o olhar do outro inimigo que está no lado das arvores diz.

- Norman, você tem uma granada com você? jogue nos alemães que estão no nosso lado da cerca vida e foque seus tiros neles, vou matar o soldado das arvores antes de me preocupar com o nosso lado, me de cobertura.

Se mantendo de joelho ele controla sua respiração e procura um ponto visível e fatal do inimigo para com um tiro preciso o matar.

(Vou usar o tiro preciso, contando com o Norman para distrair os dois do nosso lado da estrada e com o francês que deve ter uma visão favorecida dos do nosso lado.)

Mingo efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:17        ABSORÇÃO:3       EF:19       KARMA:2

EQUIPAMENTOS: cinto, pederneira, par de botas, capa, par de luvas, aljava com 20 flechas, faca, arco e armadura de couro leve

CARACTERÍSTICAS GASTAS: Nenhuma até o momento

EXPERIÊNCIA: 4xp


FICHA DO PERSONAGEM:

Mingo

Mensagens : 86
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 31
Localização : Osasco/SP

Ficha do personagem
Nome: Nate
Posto: Aspirante
Status: 1 Lesão

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Ter 06 Fev 2018, 18:56

Ataques no Sargento Dinho: Hugar efetuou 2 lançamento(s) de dados (d20.) :
,

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Ter 06 Fev 2018, 20:14

Norman usando Fogo Supressor: Hugar efetuou 2 lançamento(s) de dados (d20.) :
,
Pierre atacando de longe: Hugar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
Ataques em Nate, Norman e Pierre (se aplicável): Hugar efetuou 3 lançamento(s) de dados (d20.) :
, ,
Norman atacando: Hugar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
Pierre atacando: Hugar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
Ataques em Nate, Norman e Pierre (se aplicável): Hugar efetuou 3 lançamento(s) de dados (d20.) :
, ,

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Ter 06 Fev 2018, 21:49

Teste de Atenção dos alemães no porto: Hugar efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Ter 06 Fev 2018, 21:55

Robert e Daniel
Resultado dos Testes:
Daniel sofre uma Falha Crítica ao testar Atletismo.
Camuflagem (Robert) 13+10 vs Atenção (Soldados) 11+3. Sucesso.
Daniel desce lentamente o braço que segura a Luger quando vê o pelotão inimigo avançando com seus rifles em punho, como se a pistola nazista ganhasse peso a cada batida de coração. Um medo nunca antes sentido, nem nos piores momentos da guerra, domina sua mente. Não há tanques, não há chapas de aço protegendo-o das rajadas incessantes de metralhadora, não há bandeira branca de rendição para a França. Dessa vez, quando os projéteis voassem pelos ares às suas costas, não haveria proteção divina que os defletissem em uma canção de metal. Eles rasgariam sua pele, partiriam seus ossos e liquefariam seus órgãos, como viu diversas vezes de dentro dos blindados. O fado da infantaria.

Uma brisa marinha soprou seus cabelos, incapaz de levitar uma pipa, mas forte o bastante para levantar as almas dos mortes e inflamar o fogo dos vivos. Não havia o fedor daquelas águas paradas do porto ou dos canais, e sim a essência do mar que salobrava o Sena. O sol brilhava ainda sobre a terra e havia motivos para lutar pelo seu país. Subitamente seus músculos recuperaram a força e Daniel se viu correndo para o galpão mais próximo, uma corrida curta que precisava ser mais veloz que aquelas que disputou sobre rodas.

E seja lá quem fosse que escrevia a história dos homens e das nações, decidira no seu nascimento e na morte que a velocidade lhe favoreceria apenas nos carros e nas motos, e nunca nos pés. Assim, Daniel viu a sombra do próprio corpo crescer quando este desabou sobre o chão duro de concreto do porto, vítima de si próprio, tropeçando sobre os trilhos do pórtico e batendo forte a cabeça.

Quando recuperou o equilíbrio sobre suas pernas amarguradas, gosto de sangue e ferro na boca, seus ouvidos foram inundados por gritos de ordens de uma dúzia de alemães. E sabia que não havia mais luta para ele, mas ainda muita luta pela França. Seus olhos correram pelo reflexo no metal da Luger, em tons de azul de céu e de mar, e sentiu o peso de todo o seu corpo na maldita pistola. Num último gesto de desafio e resistência, Daniel aponta a Luger para seus inimigos...

Robert desce as escadas metálicas rapidamente, mas para faltando poucos degraus. Poucos metros a sua frente, uma visão o paralisa. Um Daniel que mal teve forças de se colocar em duas pernas, visão perdida na arma em sua mão direita, enfrenta seus inimigos. Ele ergue o braço com determinação e é imediatamente alvejado por uma rajada de metralhadora, vinda por trás e por cima. Os tiros perfuraram seu tórax, membros e cabeça, e o corpo desaba no mesmo instante.

A visão fica gravada em sua retina, mas seu treinamento o faz superar qualquer trauma. Você salta o guarda-corpo e dispara para o galpão do armazém, tentando se esconder no labirinto de enormes caixas de madeira, paletes, barris e mercadorias. A única coisa que você sabe é que precisa continuar se movendo para não ser encontrado.
Robert: diga como pretende fugir do porto. Você precisará passar em um teste de Camuflagem para cada ação sua ou será detectado, até deixar o porto. Você ainda tem os papéis roubados.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Qua 07 Fev 2018, 17:17

Dinho, Sabão, Boris e Vieirinha
Resultado do Combate:
Dinho ataca Soldado 2
Poder Ofensivo = Sorte (16) + Explosivo (0) + Pavor (2) = 18
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) + Alcance Máximo (5) = 10
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (18) / Poder Defensivo (10) = 1

Soldado 2 ataca Dinho
Poder Ofensivo = Sorte (4) + Rifle (3) - Lesões (2) = 5
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) + Retardo (5) = 10
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (5) / Poder Defensivo (10) = 0

Soldado 4 ataca Dinho
Poder Ofensivo = Sorte (12) + Rifle (3) - Lesões (1) = 14
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) + Retardo (5) = 10
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (14) / Poder Defensivo (10) = 1

Soldado 2 recebe 1 Lesão (2) e continua em combate.
Dinho recebe 1 Lesão e continua em combate.
Boris se joga pra dentro da igreja, se escondendo atrás da parede e entre os bancos de madeira, mas nenhum tiro veio do lado de fora, como ele pensava que viriam. Ele grita para Isabelle, que correu para se esconder próximo ao altar, por cima dos gritos dos civis pegos no fogo cruzado, e o partisan responde apavorado pelas rajadas de metralhadora:

- Tem galerias pluviais! Elas desaguam no porto! Mas precisamos chegar no parque para nos salvarmos, não sei de nenhuma outra entrada!

Sabão consegue empurrar um dos bancos comunais até a porta onde Vieirinha foi alvejado, bloqueando a entrada e promovendo uma cobertura improvisada. Dinho corre até lá, se esconde atrás da parede de madeira da igreja e arremessa uma granada na direção do campanário. Embora tenha sido um ótimo arremesso, Dinho sabe que faltou-lhe treinamento na arma, e o explosivo detona muito tarde, dando chance dos alemães saltarem por suas vidas. Apenas um dos soldados foi ferido pelos estilhaços e ainda assim de raspão. Eles estão distantes demais para um arremesso, mas apavorados pelo fogo que ainda não se apagou.

Vieirinha recuperou o rifle e se jogou detrás do banco de madeira, junto de Sabão, e os dois deram cobertura para o sargento. Logo após o arremesso da granada, Dinho sofre retaliação do inimigo. As balas dos rifles alemães atravessam as paredes da igreja e as tábuas do banco, vandalizando o santuário e arremessando lascas de madeira para todos os lados. Dinho foi ferido de raspão na perna por um desses tiros, mas sabe que basta uma bandagem simples para se recuperar.

O Irmão Rodolphe está ocupado demais ajudando os inocentes a se proteger do fogo cruzado e não responde às indagações a menos que seja interrompido, e ainda assim, é pouco provável que tenha a frieza necessária para agir e pensar.

As rajadas da metralhadora continuam, devastando os vitrais dos níveis superiores e enchendo as naves de estilhaços. De repente, os brasileiros percebem uma movimentação muito estranha dos alemães. Eles estão salvando seus feridos e recuando para o caminhão! Não se trata de desespero, mas de uma retirada sistemática e abandono seguro da posição no campanário. Vieirinha se arrisca em observar, e vê que outro caminhão, aparentemente vazio, surge detrás de uma rua secundária.

Não é possível ver o que o pelotão da entrada principal está fazendo, mas certamente não estão invadindo por onde Boris tentou fugir.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Qua 07 Fev 2018, 20:10

Nate
Resultado do Combate:
Norman ataca Patrulheiro 2
Poder Ofensivo = Sorte (2) + Submetralhadora (5) - Lesões (1) = 6
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) = 5
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (6) / Poder Defensivo (5) = 1

Norman ataca Patrulheiro 4
Poder Ofensivo = Sorte (12) + Submetralhadora (5) - Lesões (1) = 16
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) = 5
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (16) / Poder Defensivo (5) = 3

Pierre ataca Patrulheiro 3
Poder Ofensivo = Sorte (6) + Pistola (3) = 9
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) + Alcance Máximo (5) = 10
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (9) / Poder Defensivo (10) = 0

Patrulheiro 3 ataca Pierre
Poder Ofensivo = Sorte (5) + Rifle (3) - Lesões (1) = 7
Poder Defensivo = Exposição Mínima (10) + Retardo (5) = 15
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (7) / Poder Defensivo (15) = 0

Patrulheiro 2 foi suprimido!
Patrulheiro 4 foi suprimido!E recebeu 2 Lesões.

***

Nate ataca Patrulheiro 4
Poder Ofensivo = Sorte (10) + Rifle (Cool + Tiro de Precisão (7) - Lesões (2) = 23
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) = 5
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (23) / Poder Defensivo (5) = 4

Norman ataca Patrulheiro 2
Poder Ofensivo = Sorte (16) + Submetralhadora (5) - Lesões (1) = 20
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) = 5
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (20) / Poder Defensivo (5) = 4

Pierre ataca Patrulheiro 3
Poder Ofensivo = Sorte (19) + Pistola (3) = 22
Poder Defensivo = Exposição Parcial (5) + Alcance Máximo (5) = 10
Poder de Ataque = Poder Ofensivo (22) / Poder Defensivo (10) = 2

Patrulheiro 4 recebe 1 Lesão (3) e 4 Ferimentos adicionais e cai em combate.
Patrulheiro 2 recebe 1 Lesão e 4 Ferimentos adicionais e cai em combate.
Patrulheiro 3 recebe 2 Lesões (3) e continua em combate.
Quando os tiros inimigos atingem a cerca-viva na sua direção, derrubando os galhos mais finos por inteiro, Norman se sente tentado a puxar Nate para a terra da estrada, mas resiste. Nate deixou claro que possuía a frieza de se manter na melhor das posições para atirar. Norman responde:

- Eu deixei as granadas no esconderijo! Mas posso suprimi-los por um tempo com fogo da submetralhadora! Basta dizer quando, senhor!

Do outro lado da estrada, o partisan Pierre não conseguia esconder o nervosismo de enfrentar soldados alemães armado apenas de um revólver impreciso. Você prepara a próxima bala no rifle e dá o comando para Norman e Pierre, de forma que não fosse alvo dos atiradores inimigos antes que puxasse o gatilho.

Norman troca o carregador da Sten e assente com a cabeça. Você desvia o olhar e aponta com firmeza para seu alvo. Nos próximos quatro segundos, uma barragem ensurdecedora foi lançada contra os inimigos, com a submetralhadora disparando em modo automático de forma ininterrupta até a última bala disponível. O fogo suprimiu os inimigos, que se jogaram ao chão para se proteger dos tiros. Apesar da péssima pontaria, Norman conseguiu ferir de raspão um dos alemães. Pierre fez sua parte em distrair os adversários, concentrando a atenção do patrulheiro restante. A cautela, contudo, manteve Pierre bem escondido detrás do tronco da árvore, bem protegido da retaliação.

Você teve que se concentrar com muita vontade para suportar o barulho dos tiros bem ao seu lado, mas se saiu bem. Bastaram poucos segundos, e seu rifle encontrou o peito do inimigo com precisão. Foram dois tiros em sucessão, logo após o fim da barragem de Norman, e os projéteis encerraram a curta vida do patrulheiro alemão. Norman não hesitou e recarregou a Sten imediatamente, disparando rajadas curtas contra o outro nazista que havia suprimido, abrindo dezenas de buracos de uma vez.

Por um curto espaço de tempo, a estrada viu silêncio. Nenhuma bala cruzou os ares, nem se escutava o gemido dos feridos, porque estes já estavam mortos. Então, com vocês ainda em suas posições de combate, um rifle de serviço alemão foi arremessado na estrada. O único sobrevivente do ataque, um patrulheiro jovem, saía lentamente do seu precário abrigo com as mãos para cima. Seus lábios finos tremem, e o medo está estampado em sua face. Suas mãos estão vermelhas de sangue fresco, provavelmente dele próprio. Você é capaz de perceber diversas manchas rubras no uniforme do rapaz, resultado de ferimentos não letais.

O alemão se rende. Norman mantém a submetralhadora apontada para o inimigo, aguardando ordens.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Qua 07 Fev 2018, 21:24

Dificuldade do teste de investigação: Hugar efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Qua 07 Fev 2018, 21:33

Cristhian
Resultado do Teste:
Investigação (Cristhian) 8+2 vs Dificuldade 9+3. Falha.
Madame Lotta atira três vezes com o revólver contra a escada e é recebida por meia dúzia de tiros em resposta. Um deles soltou um gemido curto e recuou alguns passos na escada. Eles xingam a francesa e toda a família dela em alemão. Lotta pragueja várias vezes. O mais perto dos tiros acerta a porta e arremessa lascas de madeira contra seu rosto. Você se assusta com toda a situação e não consegue imaginar outra saída, ainda que consigam as peças, que não termine em uma cova rasa.

- Faça alguma coisa logo, Cristhian! - Madame Lotta grita para você enquanto descarrega o restante das munições contra os alemães - Tem mais deles vindo, merda!

Suas mãos tremem vasculhando os conteúdos das diversas caixas debaixo da bancada e no armário acima dela. Há diversos componentes elétricos de todo tipo, alguns que você nem sabe para que servem. E, na sua cabeça, você ainda não conseguiu decidir o que é útil para fazer aquele rádio funcionar, apesar de muitas das peças na sua frente serem obviamente destinadas para isso. A pressão sobre você é grande demais para conseguir tomar uma decisão funcional.

Você precisa testar Investigação novamente para saber quais peças levar.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por †_Junior_† em Qua 07 Fev 2018, 21:40

[Faça alguma coisa cérebro inútil ou o destino será morrer feito um bosta!]

Fecho os olhos por um momento, como se tentando fazer a cabeça ficar calma diante toda aquela pressão. (teste de frieza)

†_Junior_† efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

Se conseguir me acalmar adequadamente, vasculho uma última vez aquela maldita caixa. Caso encontre as peças necessárias, falo para Lotta:

Vamos embora!

(teste de investigação em seguida; rola um bônus se eu for bem sucedido no de frieza?? Very Happy).

†_Junior_† efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
INFORMAÇÕES:
EH:9        ABSORÇÃO:12      EF:14       KARMA:8

EQUIPAMENTOS: Punhais, Roupa Tingida, Flauta de Madeira, Calçado e Luvas, Capa, Cachecol, Par de Botas, Cinto, Mochila de Couro e Cantil.

EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:


avatar
†_Junior_†

Mensagens : 390
Data de inscrição : 06/10/2013
Idade : 23
Localização : Recife PE

Ficha do personagem
Nome: Cristhian Theofilakis
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Vieirinha em Sex 09 Fev 2018, 09:15

Vieirinha da uma olhada para seus ferimentos e fala par o sargento Sabão ao seu lado...

"Puts! Esses galegos são muito ruins de tiro! Se eu estivesse la eu não estaria falando com o Sr agora... hehehehe"

Da uma respirada funda e fala para os superiores...

"Quais são as ordens senhores? A coisa ta feia... Chegou mais um caminhão aí e parece que não trouxe boas notícias..."

Olha por cima do banco e grita misturando inglês com português...

(inglês)"Alguma ideia aí Russo" (português)"do caralho!"

_________________
INFORMAÇÕES:

EH:22     EF:36    KARMA: 0
EQUIPAMENTOS: nenhum
EXPERIÊNCIA: 0xp


FICHA DO PERSONAGEM:




"A morte é só uma questão de perspectiva...
De quem mata...
e de quem morre...
"

Soldado Aníbal Vieira

"A paz queremos com fervor
A guerra só nos causa dor
Porém, se a Pátria amada
For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor"

Canção do Exército
Exército Brasileiro
avatar
Vieirinha

Mensagens : 175
Data de inscrição : 02/02/2017
Idade : 41
Localização : Olímpia

Ficha do personagem
Nome: Aníbal Vieira
Posto: Soldado
Status: 4 Lesões / 4 Ferimentos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Constâncio em Sex 09 Fev 2018, 11:31

-CARALHO!!! Minha perna, porra!! Alemão desgraçado. Vieira! Não surta mais não cara, por pouco achei que perderíamos você.... Que bagunça é essa? Os vagabundos parecem que tão indo embora. Acho pouco provável que eles estejam tão confiantes assim a ponto de abandonar a igreja sem averiguar se todos morreram, fiquem de olho nessa porta, vou falar com o padre!-. Wolff da uma olhada pela nave da igreja até que encontra onde o irmão Rodolphe está e vai até ele e diz (em francês) - Irmão Rodolphe!! O senhor sabe de alguma outra saída ou por onde possamos fugir dessa emboscada?? Fomos surpreendidos nas três saídas conhecidas da igreja. Me diga que há uma saída meio que improvável mas que possamos usar pra fugir. Temos um soldado ferido, precisamos sair daqui pro esconderijo e logo!-

Dinho precisava de uma outra alternativa, com todas as saídas ocupadas por soldados alemães, era impossível liderar uma fuga até o esconderijo da Resistência. Recorrer ao padre apavorado parecia uma manobra tola, mas era uma das cartas na manga que o sargento tinha.

_________________
" Quem não vive para servir, não serve para viver! "
avatar
Constâncio

Mensagens : 34
Data de inscrição : 17/11/2017
Idade : 24
Localização : Olímpia - SP

Ficha do personagem
Nome: Wolff
Posto: Primeiro Sargento
Status: 2 Lesões

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Maedhros em Sex 09 Fev 2018, 23:49

Respondo a Viera:

Você deve tomar leite com manga! Só pode! Doido varrido!!!

Quando ele fala sobre outro caminhão, digo:

Será que estão repondo os homens feridos?! Meu São Cristóvão!!!

Quando Dinho dá as ordens, respondo:

Sim, Sargento! - Então me viro para Viera e falo - Mantenha a posição de tiro! Economize balas e apenas atire se tiver uma oportunidade boa! A outra porta está desprotegida! Vou montar posição de tiro lá! Senão irão entrar facilmente!

Assim corro para a entrada principal e me protejo. Dou uma olhada do lado de fora para ver o por que o pelotão não tentou avançar.

_________________
What the hell kind of name is Soap?

A cobra está fumando!

avatar
Maedhros

Mensagens : 335
Data de inscrição : 07/10/2013

Ficha do personagem
Nome: Sabão
Posto: Segundo Sargento
Status: 1 Lesão

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Vercenorax em Sab 10 Fev 2018, 14:50

Penso:
[Não irei morrer aqui e nem ser capturado! Não vai acontecer!]

Grito para os brasileiros:
Temos de abaterrr os quatrrro soldados na porrrta parrra poderrrmos fugirrr! Seguirrremos pelas galerrrias pluviais! Mas o beco tem de serrr liberado!

_________________
"Sete Anéis para os Senhores Anões em seus Rochosos Corredores"

"Se for pra acabar em fogo, todos queimaremos juntos!"


INFORMAÇÕES:
EH:62       ABSORÇÃO:15      EF:18       KARMA:0

EQUIPAMENTOS: corvo Roac.

EXPERIÊNCIA: 55xp


FICHA DO PERSONAGEM:
avatar
Vercenorax

Mensagens : 441
Data de inscrição : 07/10/2013
Idade : 24
Localização : Cachoeira de Minas/Lavras

Ficha do personagem
Nome: Boris Andravitch
Posto: Primeiro Tenente
Status: 1 Lesão

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Samyaza em Sab 10 Fev 2018, 23:56

Acuado num canto, separo alguns poucos segundos para fechar os olhos e permitir que se adaptem a escuridão enquanto recupero o fôlego e mentalizo uma prece para Blanchard. Em seguida olho com raiva para os sacos de lixo e penso: "Vocês tem que valer a pena...."

Olho ao redor procurando para reconhecer o ambiente tentando achar um caminho que me garanta uma rota até os muros, usando como critério ter um local para me esconder.

Teste de alguma coisa se necessário.
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1285
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 33
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Status: 2 Lesões / 1 Ferimento

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Samyaza em Sab 10 Fev 2018, 23:56

O membro 'Samyaza' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'D6' :

Resultado :
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1285
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 33
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Status: 2 Lesões / 1 Ferimento

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Qua 14 Fev 2018, 20:28

Dificuldade do teste de Raciocínio de Robert: Hugar efetuou 3 lançamento(s) de dados (D6.) :
, ,

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Qua 14 Fev 2018, 21:22

Robert
Resultado do Teste:
Raciocínio (Robert) 7+3 vs Dificuldade 9+3. Falha.
Tão logo você adentra o galpão do armazém, você tenta se perder no labirinto de paletes, caixotes e contêineres. Em dado momento, suas pernas freiam abruptamente e cedem sob o peso do corpo, num espaço confinado entre paletes empilhados que alcançam a altura de cinco homens. Nas sombras, sua totalidade tenta buscar completude. Seus músculos buscam a força e energia para vencer mais esta tarefa, apesar de todo o desgaste já sofrido até aqui. Sua mente busca quietude e clareza de pensamento, de forma a trabalhar livre do pavor e de maneira rápida e eficiente. Porém o fardo maior ficou para seu espírito, que precisa domar a dor da perda de um companheiro sob suas ordens. Um peso que tende a aumentar sem aviso e que pode desmoronar o mais forte dos homens.

Você abre os olhos, pupilas mais dilatadas, fisicamente preparadas para a escuridão, prontas para examinar os arredores. Você vê um galpão industrial elevado, com 15 ou talvez mais metros de altura, construído em treliças de aço. Suas paredes mais baixas se erguem do chão até 3 metros de altura em tijolos, mas então dão lugar para telhas de aço que fecham as paredes do galpão até encontrar o teto. O telhado por sua vez é coberto por telhas metálicas em perfis triangulares pouco inclinados, talvez 15° (o telhado lembra um M bastante aberto). O chão se estende por uma distância longa, algo em torno de 150 metros, e provavelmente termina onde termina o porto.

Há 3 entradas principais para caminhões e empilhadeiras ao longo do comprimento, sendo que apenas a primeira está aberta. Além disso, há todo um aparato de pórticos para movimentação de cargas suspensas, estruturas treliçadas para sustentar iluminação, cabos de eletricidade e tubulações, além de escadas metálicas e um mezanino, conferindo muitos pontos por onde você pode se movimentar, se esconder, atirar e ser visto.

Em geral, o galpão é escuro devido à falta de aberturas para iluminação natural e luminárias apagadas, porém é meio dia e muita luz infiltra pelas frestas e portas. Há pouca organização que permite apenas a movimentação de empilhadeiras e caminhões (ruas largas desimpedidas), e em geral há caos na ocupação do espaço interno, compreensível apenas para quem trabalha aqui. As máquinas estão todas desligadas no momento.

Há diversos planos de fuga possíveis, desde andar direto pelas ruas abertas até o final, a escalar as treliças para alcançar o telhado. Todos apresentam seus riscos e oportunidades. É fácil admitir que chegando ao final do galpão, você pode facilmente saltar o muro do porto na sua porção mais baixa e menos vigiada, de onde pode desaparecer no campo.

Você não passou no teste. Testes úteis: Frieza para controlar sua mente e diminuir a dificuldade em geral dos demais testes (só precisa passar uma vez, pode ser feito junto com os outros); Camuflagem sempre que você tentar se movimentar de um esconderijo para o outro, a depender do uso que você fizer dos elementos do cenário; Raciocínio para elaborar um plano de fuga seguindo uma ideia formal inicial que você apontar; Investigação para revelar mais informações úteis do cenário que podem te trazer vantagens; Atenção para vigiar o avanço dos alemães (pode ser feito junto com os outros).

Um pelotão invade o galpão pela entrada principal, atrás de você. As ordens do líder do esquadrão ecoam severas no piso, seus movimentos revelados pelos ruídos que produzem. Eles vão varrer sistematicamente o lugar. Você tem tempo para apenas uma ação antes que precise se movimentar para não ser encontrado.
Se você não estiver acostumado com este tipo de ambiente, aqui vão algumas fotos para inspirar.
http://www.milwaukeerenaissance.com/SweetWaterFishFarming/06-04-09%3Faction%3Ddownload%26upname%3Dkk_space02.jpg
https://thumbs.dreamstime.com/z/industrial-warehouse-4434748.jpg
https://previews.123rf.com/images/lq75/lq751208/lq75120800083/16693143-old-industrial-building.jpg
https://ogtstore.com/wp-content/uploads/2012/08/birdsboro.jpg

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Hugar em Qua 14 Fev 2018, 21:42

Vieirinha, Dinho, Sabão e Boris
Vieirinha monta posição de tiro atrás do banco comunal, mas mal consegue levantar a cabeça para verificar as posições inimigas, quiçá para atirar. Além disso, o soldado sabe que tem pouca munição. Enquanto isso, Sabão cruza as naves até a entrada principal por onde entraram mais cedo. O negro corre abaixado contra a vontade das costas e das pernas, e é atingido por uma chuva de cacos de vidro vindo dos vitrais sendo devastados pelo fogo de metralhadora. Felizmente, nenhum corte severo e apenas um filete rubro escorre perto da orelha.

Sabão respira fundo várias vezes antes de conseguir colocar a cabeça para fora para examinar a praça da igreja, e vê o pelotão todo abandonando suas posições de tiro, um a um, e recuando para o caminhão da metralhadora. O outro caminhão, que surgiu recentemente, manobra de ré até perto e logo algumas infantarias estão subindo na traseira, enquanto outros mantém seus rifles apontados para a igreja, de forma a proteger a manobra. Na caçamba deste segundo caminhão, Sabão vê um alemão, provavelmente pouco mais que o líder de um esquadrão, discutindo com um operador de rádio. A confusão parece ser grande, e eles claramente divergem. A metralhadora mantém fogo supressor.

Dinho abandona a posição e corre até o Irmão Rodolphe, cercado de mulheres apavoradas, todos ajoelhados no chão e protegidos por um banco comunal. Boris vendo a movimentação, e tendo suas ordens não correspondidas, se arrasta por debaixo dos bancos até lá, na esperança que o maldito oficial brasileiro o escutasse. Dinho grita seus apelos para o padre. O homem mexe a boca várias vezes, como se tentasse falar alguma coisa, mas som nenhum sai de lá. Nenhum que pudesse vencer os disparos da metralhadora, ao menos.

O padre apenas olha perdidamente para o altar, como se sua resposta estivesse lá. E o único auxílio que Dinho vê é a imagem de um homem crucificado e, agora, perfurado por projéteis de metralhadora.

_________________
Best job I ever had...
avatar
Hugar

Mensagens : 878
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 24
Localização : Itajubá - MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cena 2: O Dia das Cinzas

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 20 de 28 Anterior  1 ... 11 ... 19, 20, 21 ... 24 ... 28  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum