Quarta parte - O sequestro do mago

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Quarta parte - O sequestro do mago

Mensagem por Samyaza em Dom 06 Out 2013, 23:30

Enviado por: Mingo - terça-feira, 29 de novembro de 2011 16:35:05
Me coloco entre Seymar e os homens e começo a andar de costas, me mantendo sempre de frente para os guardas e pegando o arco e uma flecha com o movimento natural de uma pessoa que desde criança é acostumada a treinar com o arco. sussurro para o Seymar

Você sabe quem são eles e oq querem?

Minha intenção é chegar até a mesa ao centro. chegando la digo aos guardas.


Oq querem? pq a agressividade?


Não sei se preciso de algum dado, mas caso precise, aqui esta [1d20]

Enviado por: Leonardo - terça-feira, 29 de novembro de 2011 18:59:32
Falo baixo só pra mim:
E mais essa! Era só o que faltava.

Então sussurro para Garruk e Baltazar:

Baltazar não faça nada, eu estou desarmado, não posso te defender e Garruk seja furtivo como só você pode e tente escapar sem ser visto e descubra o que está acontecendo eu vou tentar distrai-los.

Chego devagar perto dos guardas, faço sinal com a cabeça para que Halt não faça nada e digo em voz alta:


O QUE SIGNIFICA ISSO!!! SERÁ QUE UMA ANÃO NÃO PODE BEBER EM PAZ DEPOIS DE UM DIA DE TRABALHO???ANDEM LOGO, SUMAM DAQUI, ANTES QUE EU DE UMAS BOAS SURRAS EM VOCÊS QUE SEUS PAIS NUNCA LHE DERAM!!!

(Persuasão)



Enviado por: Baltazar - terça-feira, 29 de novembro de 2011 19:15:05
Ao ouvir o que o guarda falara, Baltazar continua sentado
- O que está acontecendo?
Ele se vira pra Alastor.
- Esta bem, mas ficarei preparado para um possível ataque.
Ele sussurra, tomando cuidado pra ninguém mais ouvir além dele e de Alastor

Enviado por: Aurhus - terça-feira, 29 de novembro de 2011 22:36:42
Tento sair furtivamente e buscar ajuda

Dados[1d20]

Enviado por: Samyaza - quarta-feira, 30 de novembro de 2011 16:10:07
HALT:

Vc caminha até a mesa e sob nela facilmente com um salto, as pessoas que estavam na taverna, mesmo que assustadas se admiram com sua agilidade.

Seymar lhe diz enquanto tira seu sabre da bainha:

"Não os conheço, mas eles com certeza sabem quem somos, só não confio em ninguém que me mande largar minhas armas. Fique calmo tentarei persuadi-lo"

ela se aproxima do homem que lhes deu a ordem e diz:

"Podemos, pelo menos, conversar sobre o que está acontecendo sem nos matarmos antes?"

[1d20]

O líder entre os homes apontando a espada para vc diz:

"Vc tem uma flecha apontada para mim, meu caro, eu tenho 4 apontadas para vc e o seu grupo, a decisão é sua."



ALASTOR:

Quando vc se aproxima o homem aponta a espada em direção ao seu rosto e fala com voz firme:

"O excesso de bebida afetou sua sanidade anão?? Aviso a ti e a teu grupo, rendam-se, será melhor para todos vc´s"



BALTAZAR:

Sentado e assistindo a cena, vc começa a procurar em sua mente alguma magia que lhe possa ser útil numa situação dessas tbm, disfarçadamente começa a se concentrar e acumular Karma para realizar algum efeito.



GARRUK:

As únicas portas de saída são as que os homens estão bloqueando, tentando se aproximar de uma janela, o líder dos homens olha pro soldado que está ao lado delhe e acena em sua direção com a mão livre, Nesse instante, os homens apontas as bestas em sua direção.



TODOS:

O estalajadeiro gordo tenta falar com o cara, com uma voz completamente amedrontada:

"P--poor - por favor, não há motivo para brigarem aqui, pq não sentam e conversam, eu pago uma rodada a todos!"



Enviado por: Mingo - quarta-feira, 30 de novembro de 2011 16:19:10
Olho calmamente para o lider e falo com a voz sem emoção, tipica de alguém que confia em suas habilidades e sabe que matara mtos antes de ser atingido.

Você confia sua vida na mão desses homens? faço isso desde criança, garanto que lhe mataria antes que algum deles atirasse, principalmente a essa distância, além do mais, você deve conhecer mto bem o tempo que se demora para recarregar uma besta, sera que esses quatro conseguem nos acertar com flechas fatais? Ouça a moça, vamos conversar. Diga oq querem.

Caso alguém tente um gesto agressivo disparo contra o lider.

[1d20]

Enviado por: Leonardo - quarta-feira, 30 de novembro de 2011 17:22:22
[Droga estando desarmado eu não poso intimidar ninguém, vou ter que mudar de tática.]

Falo para o lider:
Claro meu amigo, me exaltei um pouco com a bebida. Eu vejo que você é uma pessoa inteligente, será que não podemos negociar uma forma de resolvermos isso??

Faço sinal indicando dinheiro.

(Barganha)



Enviado por: Baltazar - quarta-feira, 30 de novembro de 2011 19:28:34
Deslizo uma de minhas mãos bem devagar por debaixo da mesa e murmuro o encanto da invisibilidade, visando deixar Garruk invisível.
Para disfarçar o murmuro, levo uma caneca de cerveja que estava na nossa mesa bem próxima à boca, para não deixar ninguém perceber o que ele fizera.
Após terminar, baixo o copo, e sorrio, comentando:
- Nossa... esta cerveja estava boa.
Dou um sorriso para o estalajadeiro. Em seguida, permaneço imóvel por um momento, como se tivesse pensando.
- Quem de vocês é o líder, poderia me dar a honra de me dizer, nobre guerreiro?
Falo para o homem que está com Alastor. Tomo cuidado extremo com as palavras, sendo gentil e cuidadoso.



>>>>>Dados para a magia invisibilidade.


>>>>EDITADO<<<<

Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 2 de dezembro de 2011 19:59:09
Se eu notar que estou invisivel corro na direção do que parece ser o lider e o ataco!

Dados:
[1d20]

Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 2 de dezembro de 2011 20:00:24
[1d20]

Enviado por: Baltazar - sexta-feira, 2 de dezembro de 2011 20:45:21
O.O

Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 2 de dezembro de 2011 20:58:04
[off eu tava lendo a magia e mesmo que eu tentasse fugir eles iam me ver pq o efeito iria se dissipar entaum melhor atacar]

Enviado por: Leonardo - sexta-feira, 2 de dezembro de 2011 22:37:25
(pulava pela janelad'oh! Brick wall )

Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 2 de dezembro de 2011 23:19:15
a cara agora ja foi

Enviado por: Samyaza - sábado, 3 de dezembro de 2011 15:30:19
HALT:
Quando Seymar fala com o líder dos homens, ele baixa o gládio que apontava para vocês enquanto diz:
"Sejamos breves mestiça, vc´s só tem duas opções, ou se entregam e nos acompanham ou morrem!"

Quando vc sobe na mesa e o ameaça, ele olha para vc com uma expressão de quem não ousaria duvidar de suas capacidades, depois ele volta o olhar para Seymar e com um sorriso cínico diz:
"Alguém nos ordenou levá-los em seu encontro, podem vir conosco, ou caminhar pela estrada de Cruine, vc´s escolhem."

Então ele olha para um dos seus soldados e diz:
"Fiquem atentos, essa é a última chance que concedo a eles, se eles se negarem, podem atirar para matar"


ALASTOR
Ao fazer o sinal o homem expressa um olhar interessado e lhe pergunta:
"E quanto valeria, pra vc, a sua vida e a dos seus amigos?"


BALTAZAR:
Vc começa a concentrar o Karma ao redor de Garruk, porém, percebe que apesar da energia concentrada, apenas a arma dele e uma parte ´do punho torna-se invisível.
OFF: Livro de magias pg 73, Invisibilidade nv 1, só permite deixar invisível uma área de 50X50X50cm.


Garruk:
Vc espera que a magia de Baltazar o torne completamente invisível, porém, o tempo passa e nada fica mais invisível além de sua arma e um pedaço do seu punho.


TODOS:
O líder entre os soldados diz:
"E então senhores, vão baixar as armas ou vão lutar, e, aquele dentre voz que está usando magia, mais um dos seus truques e uma seta atravessará sua garganta!

Enviado por: Leonardo - sábado, 3 de dezembro de 2011 19:43:36
Quando vejo que ele ficou interessado, mudo para minha postura de negociante:

Vajamos, que tal 10 moedas de ouro, é uma boa quantia não acha??

(Barganha, Comércio e Persuasão)


Enviado por: Aurhus - sábado, 3 de dezembro de 2011 20:07:13
Eu tento sair pela janela.

Enviado por: Mingo - domingo, 4 de dezembro de 2011 9:51:04
Me sento com calma na mesa em que estou em pé, deixando os pés para fora afim de ficar em pé rapidamente.

Seria mais cortez se nos dissesse quem deseja falar conosco, acabei de chegar na cidade e desejo um boa noite de sono, porém nada me impede de aceitar essa conversa, porém preferia que fossemos pela manhã, cheguei hoje de viagem e meus companheiros aparentemente não estão mto melhores que eu com relação ao cansaço e principalmente a aparência, ou seja, vocês nos diz para irmos nós mesmos,nós iremos, porém apenas amanhã, me fale onde e quem devemos procurar.

Dados para Persuasão. [1d20]

Enviado por: Baltazar - domingo, 4 de dezembro de 2011 14:46:07
Ele apenas sorri e repete a pergunta:
- Quem de vocês é o líder ?

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 5 de dezembro de 2011 12:26:35
ALASTOR:
O líder deles caminha em sua direção, com a espada em punho apontando para o seu rosto. Ao chegar bem próximo ele lhe segura pela camisa, tentando levantá-lo do chão então ele sussurra pra vc:
"Finja! essas pessoas não podem suspeitar de nada!"

Então ele começa a falar gritando:
"ACHA QUE PODE COMPRAR MINHA LEALDADE COM MOEDAS ANÃO? ESTÁS ENGANADO! DIGA A TEUS AMIGOS QUE SE RENDAM E ME ACOMPANHEM OU TODOS PERECERÃO!"

Novamente ele volta a sussurrar:
"Faça seus amigos colaborarem..."


GARRUK:
Vc se move em direção a janela, quando está próximo o suficiente para iniciar um salto, vc ouve um zunido, um dos soldados dispara um virote contra vc.
[1d20]



HALT:
Vc vê que o líder conversa com Alastor e diante de suas palavras ele olha pra vc dizendo:
"Devo levá-los agora, não haverá uma noite de sono para vc´s hoje, senão o sono eterno nas mãos de Cruine se não colaborarem!"

Apesar das palavras rudes, de costas para maioria das pessoas que estão na taverna ele pisca os olhos pra vc, como quem deseja dizer alguma coisa. Enquanto isso, vc repara que Garruk se aproximava da janela, um dos soldados que tbm percebeu o movimento dispara contra ele.


BALTAZAR:
O homem que conversara com Alastor e com Halt olha pra vc e diz:
"Ainda não foi capaz de deduzir elfo? Sou eu que comando estes homens e decido sobre suas vidas!"

Enviado por: Mingo - segunda-feira, 5 de dezembro de 2011 12:35:14
Faço um sinal afirmativo e digo

que assim seja

olho para Seymar dou de ombros, como que não tem escolha....

Enviado por: Baltazar - segunda-feira, 5 de dezembro de 2011 14:19:38
OFF: Alastor, Halt e Garruk. Eu adicionei os três no msn e quero falar com os mesmos. Tenho um plano e queria saber a opinião de vocês antes de continua-lo. Peço também que ninguém poste nada ainda, postaremos todos quando discutirmos o plano e se todos concordarem.

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 12 de dezembro de 2011 13:14:55
PESSOAL PODEM POSTAR A AÇÃO DE VC´S, MAS ANTES, GARRUK ME PASSA SUA FICHA, PRECISO VER SE O VIROTE TE ACERTOU OU NÃO, QUALQUER COISA BAIXE A FICHA AUTOMATIZADA E ME REENVIE, OK?

Enviado por: Mingo - segunda-feira, 12 de dezembro de 2011 13:44:51
Minha ação já foi paulista.

Enviado por: Samyaza - terça-feira, 13 de dezembro de 2011 13:45:27
GARRUK:

Quando vc tentava se aproximar da janela vc ouv um zumbido seguido por um impacto em suas costas, após o impacto uma dor profunda toma seu ombro direito, uma flecha o acertara nas costas, penetrando em sua carne.


TODOS:

O líder dos mercenários, ao ver o ocorrido acena com a mão para os seus homens mandando-os parar, ele então dá dois passos pra trás e diz:

"Se não me acompanharem agora, os próximos serão vc´s! Homens, dêem-lhes apenas dois minutos para que saiam, depois, matem qualquer um deles que se negar a nos acompanhar"

Enquanto falava, o arqueiro recarrega sua besta


Enviado por: Leonardo - terça-feira, 13 de dezembro de 2011 21:38:52
Depois que o líder fala comigo e Garruk é atingido eu grito:
CHEGA!!! CHEGA!!! Não precisa haver derramamento de sangue!!! Vamos com vocês!!!

Corro até Garruk e vejo se ele está bem:

Você está bem Irmão??? Tente não se mover muito, vamos leva-lo até a moça que me curou, ela é ótima!!!

Depois o ajudo a se levantar se estiver caído e o acompanho até a saída. No caminho lanço um olhar significativo para Halt e para o Líder, como tentando entender o que está acontecendo.


(Off: Baltazar, não recebi nenhum convite seu no msn cara.)

Enviado por: Samyaza - quarta-feira, 14 de dezembro de 2011 12:23:21
ALASTOR:

Vc ajuda Garruk e segue em direção a saída, quando vc passa em frente ao líder dos soldados ele acena apra que abram a porta e permitam sua passagem, em seguida, ele ordena acena para dois guardas. Seymar o acompanha em seguida.

Os dois guardas para quem ele acenou se aproximam de você e de Garruk e tentam pegar suas armas:
"Suas armas, por favor..."

Enviado por: Leonardo - quarta-feira, 14 de dezembro de 2011 12:28:25
Falo serrando os dentes:
Eu... não.. estou.. armado!!

E continuo até a saída com Garruk.

Enviado por: Mingo - quarta-feira, 14 de dezembro de 2011 21:58:54
saio em silêncio seguindo os anões, caso me questionem sobre as armas eu sigo andando ignorando eles enquanto chamo Seymar

Nos concede a honra de sua companhia?

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 15 de dezembro de 2011 11:16:27
ALASTOR:
Quando vc fala sobre o fato de não estar armado, o soldado responde-lhe:
"As armas do outro anão, por favor..."

Seymar, tbm é questionada e entrega as armas que carregava.


HALT:
Passando pelos homens, logo após Seymar, que ao ceder as que carregava, foi lhe permitida a passagem para fora da taverna, um dos soldados coloca a mão sobre seu peito:
"Deixe suas armas antes de sair."


Enviado por: Mingo - quinta-feira, 15 de dezembro de 2011 13:31:20
entrego meu arco.

Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 16 de dezembro de 2011 10:11:04
entrego o punhal

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 19 de dezembro de 2011 11:52:02
PESSOAL, ALGUMA NOTICIA DO BALTAZAR?

Enviado por: Aurhus - segunda-feira, 19 de dezembro de 2011 17:59:39
Eu não tenho não!

Enviado por: Aurhus - segunda-feira, 26 de dezembro de 2011 19:46:47
off:ei mestre acho mais facil deixar o baltazar como NPC por enquanto pq se naum a campanha naum vai rola.

Enviado por: Samyaza - quarta-feira, 11 de janeiro de 2012 13:26:16
Pessoal, recebi um e-mail do baltazar, ele disse que voltará. Em dois dias se ele não postar, eu o transformo em NPC e sigo a crônica, desculpe o atraso.

Enviado por: Aurhus - quarta-feira, 11 de janeiro de 2012 13:49:58
sem problema

Enviado por: Mingo - quarta-feira, 11 de janeiro de 2012 13:52:08
No aguardo então.

Ao Baltazar, Bem vindo de volta velho, espero que esteja tudo bem?

Enviado por: Samyaza - quinta-feira, 12 de janeiro de 2012 13:31:43
OFF:SEI QUE NÃO É AQUI O LOCAL IDEAL PRA POSTAR ISSO, MAS SÁBADO TEREMOS TAGMAR NOVAMENTE NA BIBLIOTECA CHÁCARA DO CASTELO, ONDE FOI O ENCONTRO DOS 20 ANOS, DESSA VEZ EU VOU NARRAR, QUEM FOR DE SP TÁ CONVIDADO!

OFF: FIZ CONTATO COM O BALTAZAR ELE DISSE QUE VOLTA, BALTAZAR VC TEM ATE AMANHÃ PRA POSTAR A SUA AÇÃO, SENÃO, VOU TOCANDO A AVENTURA COM VC SENDO UM NPC!!

Enviado por: Samyaza - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 11:03:24
TODOS:
Baltazar é o último a sair e ainda relutante, assim que ele passa pela porta os demais soldados e seu líder tbm saem.
Enquanto os homens montam em cavalos e se posicionam ao redor de vc´s Seymar diz:

Aconteça o que acontecer, estamos em minoria e desarmados, acautelai-vos, e vamos ver o que eles farão

Os homens os guiam até a periferia da cidade, bem próximo a uma das saídas, lá, o líder deles desce do cavalo e se apresenta:
Chamo-me Darti e costumo cumprir minha palavra, minhas ordens são de levar apenas o elfo, por isso aceitei o pagamento por vc´s, sumam da cidade o quanto antes, mas o elfo eu levarei cmg.

Após dizer essas palavras ele monta novamente no cavalo e com um gesto de cabeça ordena que um dos seus homens amarre Baltazar. Desesperado e aturdido ele não resiste ao soldado que começa a amarrar-lhe o corpo.

Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 11:15:29
respondo:
Pois eu fui pago para segui-lo aonde ele for e lhe fiz um promessa por isso terá de me levar junto!
off:Tentarei ir cara!

Enviado por: Leonardo - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 11:24:45
A mim também!! Mas eu tenho outra coisa para dizer, e o ferimento de meu amigo como vai ficar???

Enviado por: Mingo - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 14:08:35
[Malditos! se ao menos eu tivesse contatos nessa cidade para segui-los..... sera que Seymar nos acompanharia? é isso, vou arriscar]

Coloco o meu capuz e olho para Seymar, procurando demonstrar com uma piscada que quero que ela fique comigo.

Obrigado pela sua honradez senhor, me afasto então nesse momento. Desculpe Baltazar mas mal o conheço. Vocês dois, se quiser, me acompanhem, afinal não vale nada nos indispormos agora.

Independente da resposta dos outros vou me afastar procurando me esconder assim que possivel, porém acompanhando-os a distâncias com a ação furtiva (??)

Enviado por: Leonardo - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 17:02:33
Leonardo escreveu:
A mim também!! Mas eu tenho outra coisa para dizer, e o ferimento de meu amigo como vai ficar???



(Off: Samiasa, eu tinha lido seu texto rápido e entendi errado, por isso vou mudar essa fala ai tá??)


Não Garruk, você precisa ir ver esse ferimento, deixa que eu vou.

Digo onde fica a curandeira, depois falo para os soldados:

A coisa vai ser dessa maneira, eu vou com Baltazar e isso é inegociavel!!!


Enviado por: Aurhus - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 17:36:39
respondo:
Então iremos os dois Alastor pois não quebro uma promessa quando a faço mesmo que esta custe minha vida!Irei e ponto final!

Enviado por: Baltazar - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 20:16:35
Droga, tenho que fazer algo...
* Ele deixa-ser amarrado, e entra num estado meditativo, pensando no que fazer.

Enviado por: Baltazar - sexta-feira, 13 de janeiro de 2012 20:17:49
Mingo escreveu:
No aguardo então.

Ao Baltazar, Bem vindo de volta velho, espero que esteja tudo bem?


E aí, cara, obrigadão. ^^ Sim, está. E com você?

Enviado por: Samyaza - segunda-feira, 23 de janeiro de 2012 19:40:50
HALT:
Vc se oculta em meio a escuridão da noite, nitidamente vc nota que Seymar acompanha seu movimento, como alguém que vigia seus movimentos tentando descobrir sua próxima ação.

ALASTOR E GARRUK:
O lider dos soldados diz:
Que seja! A escolha é de vc´s homens, amarrem-nos!!!

Os soldados se aproximam com cordas. Vc´s irão deixar-se amarrar?

BALTAZAR:
Um dos soldados prende seus braços às costas e então começar a amarrar a corda pelo seu corpo. Outro começa a amarrar seus pés.
avatar
Samyaza
Admin

Mensagens : 1079
Data de inscrição : 04/10/2013
Idade : 32
Localização : Franco da Rocha / SP

Ficha do personagem
Nome: Robert Locksley
Posto: Segundo Tenente
Especialidade: Franco-Atirador

Ver perfil do usuário http://vingadornegro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum